Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Exército angolano deixa 20 mortos e 42 feridos em ataque


Das Agências

26/06/2001 | 17:26


O Exército angolano confirmou nesta terça-feira um ataque rebelde à cidade agrícola de Uige (350 km ao Norte) que teria causado 20 mortos, segundo um comunicado oficial. O exército não falou de mortos em suas fileiras.

De acordo com a rádio católica Ecclesia, pelo menos 42 pessoas ficaram feridas, todos moradores de Uige. Eles foram internados num hospital local. A rádio acrescentou que oito jovens foram seqüestrados pelos rebeldes da União Nacional para a Independência Total de Angola (Unita) de Jonas Savimbi, durante o ataque a Uige.

As Forças Armadas Angolanas (FAA) afirmaram que capturaram um combatente rebelde durante o ataque, que aconteceu de madrugada. As FAA também afirmaram que destruíram uma base militar da Unita em Buengas, a 150 km a Nordeste de Uige.

Ainda segundo o comunicado, durante a ofensiva do Exército angolano contra focos rebeldes em Buengas, 59 combatentes da Unita se renderam às tropas do Governo.

Em 1998, o Exército angolano lançou uma ofensiva em grande escala contra os rebeldes.

A Angola está em guerra desde 1975. O conflito começou pouco depois de declarar sua independência.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Exército angolano deixa 20 mortos e 42 feridos em ataque

Das Agências

26/06/2001 | 17:26


O Exército angolano confirmou nesta terça-feira um ataque rebelde à cidade agrícola de Uige (350 km ao Norte) que teria causado 20 mortos, segundo um comunicado oficial. O exército não falou de mortos em suas fileiras.

De acordo com a rádio católica Ecclesia, pelo menos 42 pessoas ficaram feridas, todos moradores de Uige. Eles foram internados num hospital local. A rádio acrescentou que oito jovens foram seqüestrados pelos rebeldes da União Nacional para a Independência Total de Angola (Unita) de Jonas Savimbi, durante o ataque a Uige.

As Forças Armadas Angolanas (FAA) afirmaram que capturaram um combatente rebelde durante o ataque, que aconteceu de madrugada. As FAA também afirmaram que destruíram uma base militar da Unita em Buengas, a 150 km a Nordeste de Uige.

Ainda segundo o comunicado, durante a ofensiva do Exército angolano contra focos rebeldes em Buengas, 59 combatentes da Unita se renderam às tropas do Governo.

Em 1998, o Exército angolano lançou uma ofensiva em grande escala contra os rebeldes.

A Angola está em guerra desde 1975. O conflito começou pouco depois de declarar sua independência.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;