Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

PMs são acusados de atear fogo em adolescente no PR


Do Diário OnLine

13/03/2004 | 14:56


O comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, coronel David Antônio Pancotti, determinou a abertura de um Conselho de Disciplina para investigar os policiais militares acusados de atear fogo em um adolescente internado em um hospital de Curitiba. Os oficiais já tiveram a prisão preventiva decretada.

Segundo o coronel, o inquérito aberto para apurar as circunstâncias do fato concluiu que há indício de crime de natureza militar e também transgressão disciplinar de natureza grave. Desde o dia do incidente, os cinco policiais acusados foram afastados de suas funções e passaram a desempenhar tarefas administrativas ao mesmo tempo em que eram realizadas as investigações.

A Justiça entendeu que, dos cinco acusados, um sargento e três soldados deveriam ser presos preventivamente até a elucidação total do ocorrido. Eles deverão se apresentar nas próximas horas ao comando do 12º Batalhão da PM e ficarão recolhidos no Batalhão de Polícia de Guarda da PM, em Curitiba, segundo a Agência Brasil.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;