Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 10 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Indústria faz Ipea elevar estimativa do PIB neste ano



31/08/2005 | 00:10


A indústria vai crescer mais que o esperado este ano. A cni (Confederação Nacional da Indústria) reviu de 4,5% para 5% a estimativa de crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) da indústria em 2005, puxado pela perspectiva de queda na taxa de juros a partir de setembro e pelo desempenho do setor exportador.

"Esse resultado (5%) já será surpreendentemente bom por tudo o que aconteceu neste ano", afirmou o presidente da CNI, Armando Monteiro Neto. Por causa do desempenho positivo da indústria, o Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) também vai refazer para cima suas contas sobre o desempenho do PIB nacional neste ano. Atualmente, o Ipea projeta crescimento de 2,8%.

Monteiro Neto afirmou que, embora a demanda interna não seja muito forte, a queda da inflação trouxe ganhos de renda ao trabalhador, o que, combinado com a expansão do crédito consignado, sustentou a demanda por bens de consumo. Monteiro Neto disse ainda que será uma "decepção, e até injustificado" se o Copom não iniciar a trajetória de queda de juros já em setembro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Indústria faz Ipea elevar estimativa do PIB neste ano


31/08/2005 | 00:10


A indústria vai crescer mais que o esperado este ano. A cni (Confederação Nacional da Indústria) reviu de 4,5% para 5% a estimativa de crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) da indústria em 2005, puxado pela perspectiva de queda na taxa de juros a partir de setembro e pelo desempenho do setor exportador.

"Esse resultado (5%) já será surpreendentemente bom por tudo o que aconteceu neste ano", afirmou o presidente da CNI, Armando Monteiro Neto. Por causa do desempenho positivo da indústria, o Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) também vai refazer para cima suas contas sobre o desempenho do PIB nacional neste ano. Atualmente, o Ipea projeta crescimento de 2,8%.

Monteiro Neto afirmou que, embora a demanda interna não seja muito forte, a queda da inflação trouxe ganhos de renda ao trabalhador, o que, combinado com a expansão do crédito consignado, sustentou a demanda por bens de consumo. Monteiro Neto disse ainda que será uma "decepção, e até injustificado" se o Copom não iniciar a trajetória de queda de juros já em setembro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;