Fechar
Publicidade

Domingo, 16 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

COB pede inquérito criminal no caso Rebeca Gusmão



13/11/2007 | 07:00


A nadadora Rebeca Gusmão será investigada pela DRCCSP (Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Saúde Pública) por possível fraude envolvendo os exames anti-doping do Pan-Americano do Rio, em julho.

Na última quinta-feira, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos informou que as amostras de urina de Rebeca Gusmão são de pessoas diferentes.

Ontem, o presidente do COB (Comitê Olímpico Brasileiro) e do CO-Rio (Comitê Organizador do Pan do Rio), Carlos Arthur Nuzman, entregou uma petição ao secretário de Segurança Pública do Estado, José Mariano Beltrame. No documento, Nuzman solicita a apuração de possíveis delitos no controle de doping da competição.

O controle de dopagem dos Jogos também foi colocado sob suspeita no domingo, quando uma voluntária do Pan, escolta de Rebeca no exame após a prova dos 50 m livre, disse ter sido impedida de acompanhar a atleta na sala do controle de dopagem. O advogado da nadadora, Breno Tannuri, não quis falar sobre o caso.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

COB pede inquérito criminal no caso Rebeca Gusmão


13/11/2007 | 07:00


A nadadora Rebeca Gusmão será investigada pela DRCCSP (Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Saúde Pública) por possível fraude envolvendo os exames anti-doping do Pan-Americano do Rio, em julho.

Na última quinta-feira, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos informou que as amostras de urina de Rebeca Gusmão são de pessoas diferentes.

Ontem, o presidente do COB (Comitê Olímpico Brasileiro) e do CO-Rio (Comitê Organizador do Pan do Rio), Carlos Arthur Nuzman, entregou uma petição ao secretário de Segurança Pública do Estado, José Mariano Beltrame. No documento, Nuzman solicita a apuração de possíveis delitos no controle de doping da competição.

O controle de dopagem dos Jogos também foi colocado sob suspeita no domingo, quando uma voluntária do Pan, escolta de Rebeca no exame após a prova dos 50 m livre, disse ter sido impedida de acompanhar a atleta na sala do controle de dopagem. O advogado da nadadora, Breno Tannuri, não quis falar sobre o caso.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;