Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Diretor do Ciesp-S.Bernardo vai coordenar macrorregião


Frederico Rebello Nehme
Do Diário do Grande ABC

04/12/2004 | 12:52


O diretor-titular do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) de São Bernardo, Mauro Miaguti, será o coordenador da macrorregião do Grande ABC e Baixada Santista, que reúne seis regionais. O empresário – que foi escolhido pelas diretorias dos Ciesps de Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Santos e Cubatão – dará início oficialmente às atividades no próximo dia 30, em reunião dos diretores do Grande ABC que definirá metas para 2005.

Como coordenador, Miaguti terá a função de identificar e representar interesses do empresariado das duas regiões junto ao poder público e promover a integração das diretorias regionais. Seu mandato será de um ano.

A criação das macrorregiões administrativas do Ciesp é uma inovação na entidade, que dividiu o Estado de São Paulo em dez grandes áreas de atuação. Entre as principais macrorregiões estão: Campinas, Sorocaba e cidades vizinhas; São José dos Campos, Mogi das Cruzes e vizinhas; Presidente Prudente, São José do Rio Preto e vizinhas; São Paulo, Osasco, Guarulhos e cidades da Região Metropolitana.

O diretor, que integra os quadros do Ciesp há pelo menos nove anos e era diretor-adjunto da regional em São Bernardo na última gestão da entidade, espera definir até o início do ano os principais pontos a serem trabalhados. "Ainda vamos definir um planejamento estratégico que contemple todas as demandas do Grande ABC e da Baixada Santista, para iniciar nossas atividades tratando de assuntos comuns ao empresariado das duas regiões e pontuais de cada setor", afirmou.

Segundo Fausto Cestari, vice-presidente do Ciesp e diretor do DIR (Departamento de Integração Regional), Miaguti não terá a função de representar a macrorregião junto ao presidente Cláudio Vaz. Sua atuação vai se restringir às cidades abrangidas. "A idéia é que essa macrorregião reforce a ação política do Ciesp nas cidades e incentive maior integração entre empresários e poder público", afirmou.

Distrito – Cestari afirmou que a proposta do presidente do Ciesp de criar um distrito industrial voltado para empresas de tecnologia no Grande ABC deve focar setores que estejam em estágio inicial de desenvolvimento, que ainda não foram identificados.

"Nosso ponto de partida precisa ser algum setor que já esteja desenvolvendo processos em que a tecnologia e o conhecimento tenham peso grande. O próprio pólo de cosméticos, citado por Vaz, é exemplo disso, pois não atraía atenções em seu estágio inicial e só ganhou notoriedade depois de se configurar como pólo, realmente", afirmou.

Fiesp – O empresário Nelson Tadeu Pereira, de Santo André, ligado ao grupo de Paulo Skaf, presidente da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, e um dos articuladores da criação de um órgão de representação regional da federação no Grande ABC, acredita que as propostas de Vaz para a região sejam uma "resposta" à possibilidade de fortalecimento regional da Fiesp.

"Acredito que isso seja uma resposta ao que estamos criando. Por enquanto, as propostas, na minha opinião, ainda são vagas. Precisamos ver isso na prática para avaliar seus resultados", afirmou.

A criação da representação regional da Fiesp está sendo articulada por Pereira; Hermes Soncini, diretor da Fiesp e secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de São Bernardo; e Antonio Carlos Henriques, presidente do Sipan (Sindicato da Indústria de Panificação de Santo André e região). A previsão é que no início de 2005 os grupos já estejam formados.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;