Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 26 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Mundo Livre S/A encerra projeto

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Do Diário do Grande ABC

25/07/2011 | 07:00


Para finalizar o projeto Sonoridades, que levou ao palco artistas que representaram o crítico e criativo movimento manguebeat, que surgiu em Recife, nos anos 1990, o Sesc Belenzinho (Rua Padre Adelino, 1.000. São Paulo. Tel.: 2076-9700) traz o show do Mundo Livre S/A, que se apresenta na sexta e no sábado, às 21h30. Os ingressos custam de R$ 8 a R$ 32.

Depois de disputados shows da Banda de Pífanos de Caruaru, do Nação Zumbi, do Cascabulho, e de Eddie, o Mundo Livre verte ao palco sua mistura de punk rock com o samba de Jorge Ben Jor e os ritmos típicos pernambucanos.

Além da apresentação, a semana reserva oficinas e bate-papo sobre o movimento musical. Todos gratuitos.

Na quarta e na sexta tem oficina de dança basílica, das 17h às 19h30. Com o diretor Deca Madureira, o evento apresenta aulas teóricas e práticas de danças como maracatu nação, maracatu rural, ciranda, boi, catira, caboclinhos e coco.

Na quarta também será realizada a palestra Pra Ficar Pensando Melhor, com Fred Zero Quatro, Lírio Ferreira, Chico Sá e China debatendo sobre manguebeat e seus conceitos.

Na quinta, tem oficina de percussão, das 15h às 19h30. Disputada, a oficina de construção de rabeca (instrumento típico nordestino) já teve suas vagas esgotadas.

No sábado, às 17h, antes do show do Mundo Livre, o espetáculo de dança 'Espiral Brinquedo Meu' será apresentado.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mundo Livre S/A encerra projeto

Do Diário do Grande ABC

25/07/2011 | 07:00


Para finalizar o projeto Sonoridades, que levou ao palco artistas que representaram o crítico e criativo movimento manguebeat, que surgiu em Recife, nos anos 1990, o Sesc Belenzinho (Rua Padre Adelino, 1.000. São Paulo. Tel.: 2076-9700) traz o show do Mundo Livre S/A, que se apresenta na sexta e no sábado, às 21h30. Os ingressos custam de R$ 8 a R$ 32.

Depois de disputados shows da Banda de Pífanos de Caruaru, do Nação Zumbi, do Cascabulho, e de Eddie, o Mundo Livre verte ao palco sua mistura de punk rock com o samba de Jorge Ben Jor e os ritmos típicos pernambucanos.

Além da apresentação, a semana reserva oficinas e bate-papo sobre o movimento musical. Todos gratuitos.

Na quarta e na sexta tem oficina de dança basílica, das 17h às 19h30. Com o diretor Deca Madureira, o evento apresenta aulas teóricas e práticas de danças como maracatu nação, maracatu rural, ciranda, boi, catira, caboclinhos e coco.

Na quarta também será realizada a palestra Pra Ficar Pensando Melhor, com Fred Zero Quatro, Lírio Ferreira, Chico Sá e China debatendo sobre manguebeat e seus conceitos.

Na quinta, tem oficina de percussão, das 15h às 19h30. Disputada, a oficina de construção de rabeca (instrumento típico nordestino) já teve suas vagas esgotadas.

No sábado, às 17h, antes do show do Mundo Livre, o espetáculo de dança 'Espiral Brinquedo Meu' será apresentado.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;