Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Morando afirma estar mais bem preparado do que pleito em 2008

Denis Maciel  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Deputado estadual teve nome homologado pelo PSDB à disputa pela Prefeitura de São Bernardo


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

06/08/2016 | 07:00


O deputado estadual Orlando Morando teve o nome ratificado na noite de ontem para representar pela segunda vez o PSDB na disputa pela cadeira de prefeito de São Bernardo. O tucano relembrou o pleito de 2008, quando saiu derrotado por Luiz Marinho (PT), para inflamar discurso. “Em 2008, eu fui candidato de um projeto pronto. Nunca desdenhei. Porém, hoje sou um instrumento de plano como um todo, construído passo a passo. Cheguei para a convenção ao lado do ex-prefeito Mauricio Soares (PHS), com o Marcelo (Lima, SD) como vice, e com todos os partidos que anunciamos do nosso lado. Isso é preparo. Não enganamos ninguém.”

O nome de Morando foi referendado em convenção partidária, realizada na sede do Meninos Futebol Clube, no bairro Rudge Ramos, que reuniu 6.000 pessoas, segundo os organizadores. Ao todo, a coligação reúne nove partidos: PSDB, Rede, PHS, PSC, PRTB, PRP, PMB, PEN e SD, e foi denominada ‘São Bernardo de Novas Oportunidades’. O projeto político terá 340 candidatos a vereador. Foi apresentado o jingle de campanha, cujo mote reforça novas metas para o município.

No ato, Marcelo Lima foi confirmado como vice na chapa majoritária. Seu nome foi anunciado pelo ex-prefeito Mauricio Soares, também cotado para ocupar posto. “Nesta manhã (ontem) eu retirei meu nome da concorrência e apoiei muito o Marcelo, que traz muita condição para ajudar neste projeto. Precisamos destes novos compromissos econômico e social para a cidade, extirpando o PT, que tanto nos arruinou”, pontuou o ex-prefeito e ex-petista.

Oficializado, Marcelo citou sua passagem pelo PPS, que rivalizará com Morando pelo comando ao Executivo, em projeto liderado pelo deputado federal Alex Manente. “Eu estive ao lado do Alex por dez anos, mas o que desejo para as minhas filhas é um futuro sólido na cidade e isso só há no projeto do Orlando”, defendeu.

Morando fez fala de aproximadamente 30 minutos, relembrando trajetória, citando família e vida pública. “Quem quer ser prefeito em uma cidade como São Bernardo precisa ter história. Eu tenho, pessoalmente, no ramo empresarial e na política. Dentre todos aí que estarão no pleito, reúno a maior experiência.”

Morando fez críticas à gestão Marinho, alfinetando o candidato petista, o ex-secretário Tarcisio Secoli. “Quero discutir a capacidade administrativa dos concorrentes. Um ficou falando de um projeto para acabar com a enchente. Agora, ao fim da gestão, o chefe dele reconhece que não dá para concluir. (O Tarcisio está) Manco, desanimado. Vai mudar a cor do partido para rosa, que é bonito, mas ele não tem coragem de usar o vermelho, não tem mais estrela. O outro (Alex), só acho que não tem solidez necessária.”

O tucano recebeu o apoio, por meio de um vídeo, do governador Geraldo Alckmin, do ministro das Relações Exteriores, José Serra, e do senador José Anibal. “Estou muito feliz com a candidatura do Orlando Morando para mudar de verdade São Bernardo”, declarou Alckmin.

O ato foi prestigiado pelos prefeituráveis Paulinho Serra (PSDB), de Santo André, Fabio Palacio (PR), São Caetano, e Adler Kiko Teixeira (PSB), de Ribeirão Pires. O ex-prefeito William Dib (PSDB), desafeto de Morando e que pleiteava encabeçar projeto, não compareceu, conforme havia anunciado. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;