Fechar
Publicidade

Domingo, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ponte Preta quer manter a 'mesma pegada' para encarar o Corinthians no Itaquerão



26/05/2016 | 06:30


Enquanto o Corinthians vai mudar o esquema tático e alguns jogadores na tentativa de buscar uma alternativa para voltar a vencer, após cinco jogos de jejum, a Ponte Preta vai manter a "mesma pegada" mostrada nos últimos jogos nesta quinta-feira, às 11 horas, no estádio Itaquerão, em São Paulo, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O estilo do técnico Eduardo Baptista, de 44 anos, é de primeiro acertar a marcação e depois ir ao ataque com consciência.

Tanto que após o treinamento desta quarta-feira no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, a entrevista coletiva do técnico foi mais voltada para comentar sobre o adversário do que sobre o seu próprio time. Mas confirmou que não vai mudar o modo de atuar: "Vamos fazer o nosso jogo".

Sobre o Corinthians, Eduardo Baptista, em uma análise geral, diz que apesar da mudança tática promovida pelo técnico Tite - do 4-1-4-1 para o 4-2-3-1 - "trata-se de um time em que qualquer jogador pode decidir, então é preciso tomar cuidado com todos eles". Ressaltou ainda que com Cristian e Bruno Henrique como volantes, a bola circula mais rápido e que a entrada de Luciano na frente muda o estilo de jogo. Além disso, prometeu "cercar" bem os laterais Fagner e Uendel, que "são o desafogo do time deles".

Os bons resultados neste início de trabalho do técnico e do time no Brasileirão são, segundo Eduardo Baptista, "razões suficientes para dar confiança ao grupo". A vitória diante do Palmeiras por 2 a 1, no último final de semana, trouxe mais esperança de uma boa campanha. Os jogadores estão realmente tranquilos e esperam tirar proveito do momento de instabilidade do adversário. "Se a gente acertar a marcação e marcar um gol logo no início, acredito que isso pode ajudar bastante", disse o lateral-direito Jeferson, de 22 anos, formado na base do clube.

Em relação à formação inicial, será a mesma que atuou nos últimos quatro jogos. O volante Matheus Jesus, de apenas 18 anos, que vem em alta com a torcida, será mantido ao lado de João Vitor no meio de campo. Mais à frente, Clayson também continua entre os 11 iniciais mesmo com Thiago Galhardo à disposição. Aberto pelo lado direito, o artilheiro Felipe Azevedo também está confirmado.

A mais nova opção ofensiva é William Pottker, finalmente regularizado no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Ele foi um dos destaques do Linense no Campeonato Paulista, onde marcou sete gols. Mas ele ainda não está bem preparado. "Eu tive uma lesão na reta final e fiquei tratando no Figueirense. Quando cheguei (na Ponte Preta), cheguei bem. Mas fiquei pendente ainda as questões de documentação. Agora eu vou viajar pra ficar à disposição do Baptista", revelou o atacante.

Outro jogador relacionado pela primeira vez é o volante Renê Júnior, que ficou 40 dias se recuperando de uma lesão e sua forma física. Ele estava atuando no futebol chinês. Mesmo com 26 anos, ele já tem boa experiência, com passagem pela própria Ponte Preta e Santos.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;