Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Coutinho, ex-parceiro de Pelé, pode treinar o Mauaense


Divanei Guazzelli
Do Diário do Grande ABC

07/02/2002 | 00:25


   O Grêmio Mauaense, um dos representantes do Grande ABC na Série B-1 do Campeonato Paulista (o outro é o Palestra de São Bernardo), tem novo comando no futebol profissional. O ex-atacante do Santos Juari, campeão paulista de 1978, passou a ser um dos coordenadores do setor, mas numa repetição do esquema que o clube adota há quatro anos, quando estava na Série A-3: a terceirização da equipe principal de futebol do clube.

Em 2001, a empresa que cuidou do futebol tinha, entre os seus integrantes, o advogado Gustavo Vieira, filho do ex-jogador Sócrates. Agora, com Juari, existe a possibilidade de outro ex-santista treinar o time. Coutinho, que formou com Pelé a dupla de ataque mais célebre do futebol mundial, nos anos 60, no Santos, pode ser contratado. No final dos anos 90, Coutinho treinou o Santo André na primeira divisão.

O Mauaense tem treinado às terças e quintas-feiras à tarde no campo do União, equipe amadora do Parque São Vicente, em Mauá, e aguarda a definição do início da B-1, provavelmente na primeira semana de abril.

São Bernardo – O outro time profissional da região, o São Bernardo, deve iniciar os treinamentos após o Carnaval e espera permanecer na B-2, equivalente à quinta divisão.

Rebaixado para a B-3 em 2001, o São Bernardo pode ser favorecido pelo remanejamento das equipes nas séries A-2 e A-3. Na A-2, Flamengo, Bandeirante de Birigüi e Marília completaram os 16 times, e na A-3, Palmeiras-B, Ferroviária e Barretos foram promovidos. Assim, devem ser abertas três vagas na B-1 e na B-2, o que evitaria o descenso do São Bernardo.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;