Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 19 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

São Paulo joga a vida na Libertadores

Leandro Martins/Estadão Conteúdo Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Tricolor precisa vencer Trujilanos para não
descolar dos líderes do Grupo 1 da competição


Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

05/04/2016 | 07:00


O São Paulo joga para seguir na briga pela classificação na Libertadores às 21h45 contra o Trujillanos, da Venezuela, no Morumbi. Com dois pontos e na terceira posição do Grupo 1, o Tricolor está a três do vice-líder River Plate, da Argentina, que entra em campo amanhã para encarar o primeiro colocado The Strongest, da Bolívia, que soma sete. Assim, só pensa na vitória sobre o lanterna da chave para não descolar da ponta.

E se depender do histórico recente do São Paulo, o torcedor pode se preparar para fortes emoções. Isso porque nos últimos quatro jogos, o Tricolor venceu ou empatou nos minutos finais, com gols aos 37, aos 44, aos 45 e aos 47.

Autor do tento que iniciou a reação diante do Oeste, no sábado, o volante Hudson tem a receita para não passar mais tanto sufoco: é preciso que os jogadores responsáveis pela marcação saiam mais para o jogo.

“Precisamos melhorar em alguns aspectos para nos mantermos vivos na Libertadores. Para seguirmos em condições de brigar pela vaga, temos que ter mais infiltração e chegadas ao gol. E isso vale para os volantes também. A gente precisa ajudar na frente”, comentou, em entrevista ao site oficial do clube do Morumbi.

CARA NOVA

Ontem, o São Paulo oficializou a contratação do ex-jogador Pintado para o cargo de auxiliar técnico do clube. Ele, que era treinador do Guarani na Série A-2 do Paulista, retorna ao Tricolor após 23 anos para ajudar Edgardo Bauza e ser a ponte entre jogadores e diretoria.

“Já fiz o trabalho de auxiliar técnico no Cruz Azul (do México), sei o que posso oferecer ao treinador e me coloco à disposição dele no que precisar. É um momento novo na minha vida, especial e de muita alegria. Estou extremamente motivado e pronto. Sou muito grato ao São Paulo por mais essa oportunidade e vou contribuir com tudo que estiver ao meu alcance”, afirmou ao site oficial do clube.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Paulo joga a vida na Libertadores

Tricolor precisa vencer Trujilanos para não
descolar dos líderes do Grupo 1 da competição

Felipe Simões
Do Diário do Grande ABC

05/04/2016 | 07:00


O São Paulo joga para seguir na briga pela classificação na Libertadores às 21h45 contra o Trujillanos, da Venezuela, no Morumbi. Com dois pontos e na terceira posição do Grupo 1, o Tricolor está a três do vice-líder River Plate, da Argentina, que entra em campo amanhã para encarar o primeiro colocado The Strongest, da Bolívia, que soma sete. Assim, só pensa na vitória sobre o lanterna da chave para não descolar da ponta.

E se depender do histórico recente do São Paulo, o torcedor pode se preparar para fortes emoções. Isso porque nos últimos quatro jogos, o Tricolor venceu ou empatou nos minutos finais, com gols aos 37, aos 44, aos 45 e aos 47.

Autor do tento que iniciou a reação diante do Oeste, no sábado, o volante Hudson tem a receita para não passar mais tanto sufoco: é preciso que os jogadores responsáveis pela marcação saiam mais para o jogo.

“Precisamos melhorar em alguns aspectos para nos mantermos vivos na Libertadores. Para seguirmos em condições de brigar pela vaga, temos que ter mais infiltração e chegadas ao gol. E isso vale para os volantes também. A gente precisa ajudar na frente”, comentou, em entrevista ao site oficial do clube do Morumbi.

CARA NOVA

Ontem, o São Paulo oficializou a contratação do ex-jogador Pintado para o cargo de auxiliar técnico do clube. Ele, que era treinador do Guarani na Série A-2 do Paulista, retorna ao Tricolor após 23 anos para ajudar Edgardo Bauza e ser a ponte entre jogadores e diretoria.

“Já fiz o trabalho de auxiliar técnico no Cruz Azul (do México), sei o que posso oferecer ao treinador e me coloco à disposição dele no que precisar. É um momento novo na minha vida, especial e de muita alegria. Estou extremamente motivado e pronto. Sou muito grato ao São Paulo por mais essa oportunidade e vou contribuir com tudo que estiver ao meu alcance”, afirmou ao site oficial do clube.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;