Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Mascote mostra lado pé quente e acerta resultado do Timão

Ricardo Trida/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

João Gabriel entra em campo com Rodriguinho, autor de dois gols, e adianta placar da vitória do Corinthians sobre o São Bernardo por 3 a 0


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

26/03/2016 | 07:00


A noite de quarta-feira, no Estádio 1º de Maio, em São Bernardo, foi de festa para a torcida corintiana, que assistiu ao Timão vencer o Tigre por 3 a 0 pelo Campeonato Paulista. Mas foi ainda mais especial para o pequeno João Gabriel Cecilia Prestes Melo, 7 anos. Aluno de uma escolinha de futebol do Corinthians, entrou em campo de mãos dadas com o meia Rodriguinho. O garoto deu sorte ao jogador, que marcou dois dos três gols alvinegros.

O camisa 26 não era bem o preferido do pequeno são-bernardense, mas no fim das contas... “Queria entrar com o Giovanni Augusto, mas entrei com o Rodriguinho, que é muito bom jogador também. Acho que fui pé quente”, disse o corintiano durante a paralisação de 22 minutos que a partida teve na segunda etapa por conta da queda de luz no estádio. E foi neste momento que João Gabriel lançou a profecia. “Acho que vai sair mais um gol, vai ser 3 a 0 o jogo.” Dito e feito. O duelo recomeçou e Lucca decretou o resultado adiantado pelo torcedor mirim.

João Gabriel foi ao estádio acompanhado do pai, Rafael Presentes da Silva Melo, 32, que não escondia o misto de sentimentos por ver o filho adentrar ao gramado com os atletas alvinegros. “Fiquei muito nervoso, não consegui tirar foto, minha mão tremia. Emoção muito grande, porque para a idade dele – é muito novo – é o mais próximo e mais breve que pode chegar de se sentir um jogador de futebol”, disse. “Ele adora, acompanha e está virando um parceirão de estádio”, emendou o pai.

Rodriguinho não foi o primeiro jogador corintiano que entrou em campo com João Gabriel e acabou abençoado. Em setembro de 2013, em jogo do Timão no Pacaembu, o garoto – então com cinco anos – acompanhou Alexandre Pato. Apesar da derrota do Corinthians para o Goiás, por 2 a 1, pelo Brasileirão, o atacante fez o gol de honra do Alvinegro.

Sempre que surgem oportunidades, pai e filho vão aos jogos do Corinthians, seja em São Bernardo (tanto no 1º de Maio quanto no Baetão, não importa se o jogo é profissional ou sub-20), no Pacaembu ou na Arena em Itaquera. Desta forma, a paixão alvinegra é cada vez mais presente no garoto.

“Ele sabe a escalação. Pode confundir um nome ou outro, mas sabe até os reservas”, conta, com orgulho, Rafael, que admite: não influenciou na escolha de João Gabriel pelo time. “É bem natural. Gosto muito de ir ao jogo, não forcei a barra e foi pegando e herdando esse gosto. Tem o jeito dele de torcer, é um barato”, concluiu.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;