Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ataques deixam 93 mortos em Angola


Das Agências

21/02/2001 | 09:43


Pelo menos 93 pessoas perderam a vida em menos de uma semana, em três ataques atribuídos aos rebeldes angolanos nas províncias de Lunda-Norte, Malanje e Huila, informou nesta quarta-feira o Jornal de Angola (governamental).

O exército regular afirmou ter matado 20 rebeldes nesses confrontos, acrescenta o Jornal de Angola.

O português Antônio Augusto Leitão Faria, 55 anos, morreu em um ataque em Casanguidi (Lunda-Norte, a 100 km de Luanda) que deixou 48 mortos, afirma o jornal, sem precisar a data do ataque.

A vítima, que trabalhava para a empresa estatal de diamantes Endiama, estava em um automóvel que foi destruído pelos guerrilheiros da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA). Outras 22 pessoas não identificadas desapareceram nessa emboscada.

Um segundo ataque da UNITA deixou 35 mortos no sábado passado em Cajiza (Malanje, a 400 km de Luanda).

A UNITA reivindicou a localidade de Kibaxe, a 180 km ao nordeste de Luanda, na sexta-feira passada. Vinte e dois soldados angolanos e 32 policiais perderam a vida na ocasião, segundo os rebeldes.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;