Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 25 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Quartel general do PTB sofre com invasão petista

Orlando Filho/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Mark Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

19/07/2010 | 07:08


Inaugurado há três meses, o escritório regional do PTB no Grande ABC não tem correspondido às expectativas do presidente estadual do partido, o deputado Campos Machado. A pompa na inauguração da sede na região, que contou com as principais lideranças petebistas de São Paulo, não reflete em ações enérgicas para amarrar os quadros da sigla no Grande ABC aos direcionamentos encaminhados por seu mandatário.

Em entrevista ao Diário, Campos Machado reiterou a pretensão de transformar o escritório regional do PTB, em Santo André, no "quartel general das candidaturas apoiadas pelos petebistas em toda a região". Segundo o comandante, a missão estaria a cargo do coordenador da sigla no Grande ABC, Silvio Ravin.

Nem mesmo o advogado, no entanto, tem conquistado êxito na tarefa de fazer com que o seu irmão, o prefeito de Santo André, Aidan Ravin, siga piamente a determinação da executiva estadual de que seus correligionários declararem apoio às candidaturas tucanas de Geraldo Alckmin ao governo do Estado e de José Serra, à Presidência.

Enquanto Aidan fica em cima do muro não inclinando nem para apoio ao PSDB nem para o PT (apesar do assédio petista), o vice-prefeito de São Bernardo, Frank Aguiar, não titubeou na hora de anunciar que trabalharia pelas eleições dos petistas Dilma Rousseff (Presidência), Aloizio Mercadante (Palácio dos Bandeirantes) e Marta Suplicy (Senado). Pela proximidade do forrozeiro com o presidente Lula, Campos Machado liberou Frank seguir o posicionamento do PTB.

Além de Frank Aguiar, outras lideranças da sigla no Estado, como o deputado federal Arnaldo Faria de Sá e o senador Romeu Tuma, se negam a apoiar os tucanos.

Diante deste cenário, o prefeito de São Caetano, José Auricchio, tem sido o único petebista do Grande ABC a efetivamente trabalhar em prol de Serra e Alckmin. Ao contrário de seus colegas, Auricchio tem encabeçado a coordenação dos tucanos na região, se posicionando à frente até mesmo de políticos do próprio PSDB, como o ex-prefeito de São Bernardo William Dib (candidato a deputado federal) e o prefeito de Rio Grande da Serra, Adler Kiko Teixeira.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;