Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 20 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Seis russos morrem intoxicados por limpa-vidros


Da AFP

28/05/2004 | 16:20


Seis aposentados morreram envenenados em São Petersburgo, no noroeste da Rússia, depois de se embebedarem com vinho e limpa-vidros. A polícia informou nesta sexta-feira ter descoberto os corpos de quatro homens e duas mulheres, de cerca de 60 anos, num apartamento.

Os corpos ficaram vários dias no apartamento, onde também foi encontrada uma dezena de garrafas de vinho vazias e uma outra de limpa-vidros. O produto geralmente contém metanol, tipo de álcool tóxico reservado ao uso industrial e cuja ingestão é perigosa para a saúde.

Segundo o ministério da Saúde, os russos bebem por ano 140 milhões de litros de colônia e produtos de perfumaria à base de álcool. Muitos morrem envenenados.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Seis russos morrem intoxicados por limpa-vidros

Da AFP

28/05/2004 | 16:20


Seis aposentados morreram envenenados em São Petersburgo, no noroeste da Rússia, depois de se embebedarem com vinho e limpa-vidros. A polícia informou nesta sexta-feira ter descoberto os corpos de quatro homens e duas mulheres, de cerca de 60 anos, num apartamento.

Os corpos ficaram vários dias no apartamento, onde também foi encontrada uma dezena de garrafas de vinho vazias e uma outra de limpa-vidros. O produto geralmente contém metanol, tipo de álcool tóxico reservado ao uso industrial e cuja ingestão é perigosa para a saúde.

Segundo o ministério da Saúde, os russos bebem por ano 140 milhões de litros de colônia e produtos de perfumaria à base de álcool. Muitos morrem envenenados.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;