Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Dono de cavalos será acusado de maus-tratos

Polícia Ambiental conduzirá hoje proprietário para delegacia


Camila Galvez
Do Diário do Grande ABC

03/02/2012 | 07:00


A Polícia Ambiental do Grande ABC levará hoje o proprietário de 15 cavalos que estão sofrendo maus-tratos na Estrada Velha de Santos, em São Bernardo, para registrar boletim de ocorrência de maus-tratos. Em 2010, Roque Dutra, 57 anos, foi multado em R$ 8.000 por manter o estábulo em área de manancial. Agora deverá responder criminalmente em relação aos animais. O BO será feito na Delegacia de Meio Ambiente e Relações de Consumo de São Bernardo.

A comandante da Polícia Ambiental, tenente Paola Mele, explicou que será necessário laudo veterinário que comprove os maus-tratos, que pode ser expedido pelo Centro de Controle de Zoonoses da cidade. Com o laudo, é possível remover os cavalos do terreno. "Por enquanto eles não podem ser adotados, mas podem ficar sob a guarda de um fiel depositário até que tramite o processo contra o proprietário dos animais."

A entidade PEA (Projeto Esperança Animal) se dispôs a abrigar os equinos, mas busca parceiros para transportá-los. "Se tivéssemos de pagar, ficaria em cerca de R$ 5.000 para levar os 15 cavalos até um haras em Francisco Morato, é inviável", explicou o diretor da ONG, Carlos Rosolen.

Não é a primeira vez que Dutra tem problemas com a lei. Há cerca de uma semana ele foi preso por porte ilegal de arma após vistoria da Polícia Ambiental, segundo a tenente. "Ele ficou uma semana detido e foi liberado."
O crime de maus-tratos no qual Dutra será enquadrado prevê multa e prisão.

MOBILIZAÇÃO

Na rede social Facebook, a história dos cavalos ganhou proporções enormes. Centenas de pessoas manifestaram interesse em ajudar os animais após a publicação de reportagem pelo Diário. Grupos chegaram a levar feno para os animais no fim de semana.

Segundo informações de donos de haras da região, manter um cavalo em baia custa cerca de R$ 1.000 mensais. Se ele estiver em pasto, a manutenção do animal é de, em média, R$ 500 por mês.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;