Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 27 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

PM e Defesa Civil reforçarão combate ao mosquito da dengue


Da Redação

08/12/2015 | 07:00


Homens da PM (Polícia Militar) e da Defesa Civil serão mobilizados pelo governo do Estado para exterminar o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e do zika vírus. A estratégia, lançada ontem, faz parte do Plano Estadual de Combate às Arboviroses, coordenado pela Secretaria de Estado da Saúde em parceria com 11 secretarias estaduais.

A PM e a Defesa Civil vão se somar aos agentes da Sucen (Superintendência de Controle de Endemias) para vistoriar locais que possam ser criadouros e removê-los. Havendo necessidade, o Exército também será acionado. No caso dos policiais, a SSP (Secretaria da Segurança Pública) informou que 1.000 deles serão contratados por meio da Dejem (Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Militar) para atuar no reforço.

Será criado fundo estadual específico, com valor superior a R$ 50 milhões por ano. O plano ainda prevê treinamento de profissionais de Saúde para diagnóstico e manejo clínico de casos suspeitos, oferta de exames sorológicos pelo Instituto Adolfo Lutz, inclusive para zika vírus e campanhas de conscientização. Segundo levantamento da secretaria, 80% dos criadouros estão dentro das residências.

Neste ano foram 630.021 casos de dengue no Estado. Não houve nenhuma contaminação por chikungunya até o momento. No primeiro semestre foram confirmados dois pacientes autóctones com zika vírus, nas cidades de Sumaré e São José do Rio Preto. No momento não há a circulação do zika no Estado.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;