Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

diarinho@dgabc.com.br | 4435-8396

Por que as pupilam dilatam?

Divulgação Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Orifício tem missão de controlar a entrada de luz nos olhos e muda conforme ambiente


Tauana Marin
Diário do Grande ABC

15/11/2015 | 07:00


 A pupila, aquela bolinha preta no meio de cada um dos olhos, é o buraco por onde entra a luz que faz a gente enxergar. Ela aumenta ou diminui dependendo da quantidade de luminosidade que há no ambiente.

Quando estamos em lugar muito iluminado (como num dia ensolarado na praia, por exemplo) a pupila fica pequena para evitar um pouco a entrada de luz, tornando possível enxergar bem. O inverso acontece quando estamos no quarto escuro. A pupila fica maior para poder entrar mais luz.

Um animal que adora a noite e consegue ver tudo no escuro é a coruja. Por isso que suas pupilas são gigantes. De dia, ela praticamente dorme por não enxergar bem e para proteger sua visão.

Ao redor da pupila fica a parte colorida dos olhos que chamamos de íris. Ela funciona como uma ‘cortina’ que abre e fecha para controlar os tamanhos da pupila. Esse órgão pode ter várias cores diferentes, dependendo da quantidade de pigmento que existe nela (se houver menos, o olho pode ficar azul, e se tiver mais, a íris tende para o castanho escuro). Os bebês nascem com pouco pigmento e, já nos primeiros meses de vida, vão adquirindo a cor de olhos que ficarão para toda a vida.

ÓCULOS - Geralmente, o problema que faz as pessoas usarem óculos é o tamanho do olho, não tendo nada a ver com questões ligadas à pupila ou à íris. Quanto maiores, melhor será o foco para enxergar de perto e há dificuldades para ser ver ao longe. Já os olhos pequenos possuem estrutura contrária, enxergando bem de perto e com complicações para buscar nitidez para coisas afastadas.

CURIOSIDADES:

A movimentação da pupila é capaz de transmitir mensagens do cérebro ligadas a sentimentos, dores e transtornos psicológicos. Estudos dizem que a pupila pode aumentar quando olhamos para quem amamos;

A pupila dos felinos dilata três vezes mais do que a dos humanos. Essa habilidade permite uma maior entrada de luminosidade, os ajudando a enxergar melhor no escuro. O fator também é responsável pela hipersensibilidade de seus olhos à luz, fazendo com que não enxerguem bem durante o dia.

Pergunta de Emilly Cristinny Sousa Santos,11 anos, de São Bernardo, tem o hábito de observar seu rosto. “Tento prestar atenção em frente ao espelho e saber o que muda. Por isso, fiquei em dúvida quanto à pupila, já que tem momentos que está maior e outros, menor.”

Consultoria de Ronaldo Barcellos, médico assistente do departamento de oftalmologia da Santa Casa de São Paulo e integrante do Conselho Brasileiro de Oftalmologia.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Por que as pupilam dilatam?

Orifício tem missão de controlar a entrada de luz nos olhos e muda conforme ambiente

Tauana Marin
Diário do Grande ABC

15/11/2015 | 07:00


 A pupila, aquela bolinha preta no meio de cada um dos olhos, é o buraco por onde entra a luz que faz a gente enxergar. Ela aumenta ou diminui dependendo da quantidade de luminosidade que há no ambiente.

Quando estamos em lugar muito iluminado (como num dia ensolarado na praia, por exemplo) a pupila fica pequena para evitar um pouco a entrada de luz, tornando possível enxergar bem. O inverso acontece quando estamos no quarto escuro. A pupila fica maior para poder entrar mais luz.

Um animal que adora a noite e consegue ver tudo no escuro é a coruja. Por isso que suas pupilas são gigantes. De dia, ela praticamente dorme por não enxergar bem e para proteger sua visão.

Ao redor da pupila fica a parte colorida dos olhos que chamamos de íris. Ela funciona como uma ‘cortina’ que abre e fecha para controlar os tamanhos da pupila. Esse órgão pode ter várias cores diferentes, dependendo da quantidade de pigmento que existe nela (se houver menos, o olho pode ficar azul, e se tiver mais, a íris tende para o castanho escuro). Os bebês nascem com pouco pigmento e, já nos primeiros meses de vida, vão adquirindo a cor de olhos que ficarão para toda a vida.

ÓCULOS - Geralmente, o problema que faz as pessoas usarem óculos é o tamanho do olho, não tendo nada a ver com questões ligadas à pupila ou à íris. Quanto maiores, melhor será o foco para enxergar de perto e há dificuldades para ser ver ao longe. Já os olhos pequenos possuem estrutura contrária, enxergando bem de perto e com complicações para buscar nitidez para coisas afastadas.

CURIOSIDADES:

A movimentação da pupila é capaz de transmitir mensagens do cérebro ligadas a sentimentos, dores e transtornos psicológicos. Estudos dizem que a pupila pode aumentar quando olhamos para quem amamos;

A pupila dos felinos dilata três vezes mais do que a dos humanos. Essa habilidade permite uma maior entrada de luminosidade, os ajudando a enxergar melhor no escuro. O fator também é responsável pela hipersensibilidade de seus olhos à luz, fazendo com que não enxerguem bem durante o dia.

Pergunta de Emilly Cristinny Sousa Santos,11 anos, de São Bernardo, tem o hábito de observar seu rosto. “Tento prestar atenção em frente ao espelho e saber o que muda. Por isso, fiquei em dúvida quanto à pupila, já que tem momentos que está maior e outros, menor.”

Consultoria de Ronaldo Barcellos, médico assistente do departamento de oftalmologia da Santa Casa de São Paulo e integrante do Conselho Brasileiro de Oftalmologia.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;