Fechar
Publicidade

Sábado, 28 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Palmeiras critica Engenhão e Botafogo denuncia sujeira


Das Agências

27/09/2010 | 07:07


Agora, o Palmeiras decidiu rebaixar o Estádio João Havelange (custou quase R$ 400 milhões inicialmente para uso no Pan-Americano de 2007) a um local sem estrutura alguma para o futebol. Acostumado a detonar as mais diferentes polêmicas, o técnico Luiz Felipe Scolari também não poupou o Engenhão de pesadas críticas.

"O estádio é legal (no formato), mas as instalações para os dois lados são precárias. Falta lugar para se trocar, armários, ganchos para colocar as roupas, uma série de coisas mínimas", disparou.

Bagunça - A sujeira supostamente deixada pelo Palmeiras no vestiário do Engenhão, na vitória sobre o Flamengo, irritou o Botafogo, que já acionou o departamento jurídico para estudar o caso.

No entanto, a diretoria ainda não sabe irá encaminhar representação à CBF, pois não houve prejuízos financeiros. Apesar disso, os cariocas definiram tudo como ‘grande falta de educação'.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;