Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 13 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Bombardeio a complexo petroquímico gera risco de contaminaçao


Do Diário do Grande ABC

18/04/1999 | 15:41


A destruiçao parcial de um complexo petroquímico em Pancevo (15 km a noroeste de Belgrado), à noite, expoe a regiao a um risco de contaminaçao, anunciou este domingo a agência oficial Tanjug. O lugar foi bombardeado pela Otan.

Por volta do meio-dia deste domingo, uma enorme coluna de fumaça negra se elevava sobre Pancevo, podendo ser vista até no centro da cidade. Empurrada pelo vento, a nuvem se dirigia para o oeste, em direçao à Croácia.

Segundo a Tanjug, a aviaçao da Organizaçao do Tratado do Atlântico Norte bombardeou às 1h20 (20h20 de Brasília), em Pancevo, unidades de produçao de amoníaco e de fertilizantes nitrogenados, uma refinaria de petróleo e instalaçoes petroquímicas, provocando um gigantesco incêndio.

O Centro de informaçao civil, citado pela agência, recomendou a populaçao proteger os olhos e as vias respiratórias, com a ajuda de máscaras contra gases ou com um pano embebido em uma soluçao de bicarbonato de sódio.

O vice-ministro sérvio do Meio ambiente, Zoran Panajatovic, afirmou através da TV que o risco de contaminaçao é limitado, porque a nuvem tóxica alcançou os mil metros de altitude.

Por outro lado, um ambientalista disse que ``o perigo de contaminaçao e de intoxicaçao é sério, devido à chuva que cai de forma intermitente na regiao''. O perigo agora é a chuva ácida.

Em Novi Sad, capital da província de Voivodina, a 70 km ao norte de Belgrado, a aviaçao da Otan bombardeou três vezes durante a noite uma refinaria, provocando um incêndio na fábrica, que já havia sido atacada várias vezes nos últimos dias.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bombardeio a complexo petroquímico gera risco de contaminaçao

Do Diário do Grande ABC

18/04/1999 | 15:41


A destruiçao parcial de um complexo petroquímico em Pancevo (15 km a noroeste de Belgrado), à noite, expoe a regiao a um risco de contaminaçao, anunciou este domingo a agência oficial Tanjug. O lugar foi bombardeado pela Otan.

Por volta do meio-dia deste domingo, uma enorme coluna de fumaça negra se elevava sobre Pancevo, podendo ser vista até no centro da cidade. Empurrada pelo vento, a nuvem se dirigia para o oeste, em direçao à Croácia.

Segundo a Tanjug, a aviaçao da Organizaçao do Tratado do Atlântico Norte bombardeou às 1h20 (20h20 de Brasília), em Pancevo, unidades de produçao de amoníaco e de fertilizantes nitrogenados, uma refinaria de petróleo e instalaçoes petroquímicas, provocando um gigantesco incêndio.

O Centro de informaçao civil, citado pela agência, recomendou a populaçao proteger os olhos e as vias respiratórias, com a ajuda de máscaras contra gases ou com um pano embebido em uma soluçao de bicarbonato de sódio.

O vice-ministro sérvio do Meio ambiente, Zoran Panajatovic, afirmou através da TV que o risco de contaminaçao é limitado, porque a nuvem tóxica alcançou os mil metros de altitude.

Por outro lado, um ambientalista disse que ``o perigo de contaminaçao e de intoxicaçao é sério, devido à chuva que cai de forma intermitente na regiao''. O perigo agora é a chuva ácida.

Em Novi Sad, capital da província de Voivodina, a 70 km ao norte de Belgrado, a aviaçao da Otan bombardeou três vezes durante a noite uma refinaria, provocando um incêndio na fábrica, que já havia sido atacada várias vezes nos últimos dias.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;