Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Yakult investe R$ 37 milhões em novos produtos


Leone Farias
Do Diário do Grande ABC

10/10/2001 | 01:19


A Yakult do Brasil, com unidade em São Bernardo, investiu R$ 37 milhões para o lançamento de dois novos produtos. Um deles é a sobremesa láctea Sofyl, na qual a companhia aplicou R$ 12 milhões e que será feita na fábrica da região. Esse item chega ao mercado em novembro. O outro é o novo leite fermentado Yakult 40, que demandou R$ 25 milhões e será produzido na fábrica da empresa em Lorena (SP). Direcionado ao público adulto, com cinco vezes mais lactobacilos vivos que o produto tradicional, foi lançado no início deste mês.

O investimento para produzir a sobremesa referiu-se a reformas e aquisições de novos equipamentos, como envasadores e homogeneizadores. A empresa prevê vender 15 mil unidades do Sofyl por dia a partir de dezembro.

Com o item, a empresa pôde manter em São Bernardo o quadro atual de 150 funcionários. É que no início deste ano, a produção do leite fermentado Yakult, que era centralizada aqui, passou para a unidade de Lorena. No Grande ABC, a companhia ainda faz o TaffMan-E e sua versão para mulheres, o Hi-Line. “Mas deveremos trazer em breve algum novo produto, porque há espaço na fábrica de São Bernardo”, disse o presidente da Yakult, Masahiko Sadakata.

Neste mês, a companhia lançou o Yakult 40, que tem 40 bilhões de lactobacilos vivos. O item visa equilibrar a flora intestinal e, segundo a empresa, estudos indicam que o produto reduz o risco de câncer de intestino e bexiga. A empresa informa que o Yakult 40 não é contra-indicado para crianças, mas é direcionado aos adultos.

“As crianças podem experimentar, mas não têm necessidade de tomar. É para adultos, que têm uma alimentação desequilibrada”, afirmou a nutricionista da empresa, Lesly Miki Marubayashi. A estimativa inicial é a produção de 30 mil unidades por dia para se chegar a 50 mil por dia em dezembro.

O Yakult 40 tem menor prazo de validade (14 dias) do que o item tradicional, que dura um mês, e por isso, a empresa só vai comercializá-lo em vendas porta-a-porta, por meio de suas 12 mil revendedoras no país, ou pela Internet. A companhia iniciou neste mês operações de venda on-line do produto e dos outros da linha alimentícia, pelo site www.yakult.com.br.

A Yakult do Brasil deverá fechar o ano com faturamento de R$ 250 milhões, inferior aos R$ 280 milhões do ano passado. Segundo Sadakata, a redução deveu-se à concorrência mais acirrada e à retração da economia brasileira. Com os novos produtos, a companhia espera ultrapassar os R$ 300 milhões em 2002.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;