Fechar
Publicidade

Sábado, 16 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Truffaut para sempre na retina

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Renomado cineasta francês ganha exposição
sobre sua vida e obra até outubro em São Paulo


Rodrigo Mozelli

24/08/2015 | 07:00


‘Cinéfilos são pessoas doentes.’ A frase em questão poderia ter sido dita por qualquer pessoa, mas talvez não por um cineasta, certo? Errado. François Truffaut (1932 – 1984) é considerado um dos maiores da França, sobretudo por seu estilo nouvelle vague (nova onda, em português – retratação do amor e de fragmento da vida de alguém), o qual foi um dos precursores. Os 25 anos de carreira deste personagem podem ser revisitados no MIS (Museu da Imagem e do Som), em São Paulo (Av. Europa, 158) na exposição Truffaut – Um Cineasta Apaixonado, em cartaz até 18 de outubro.

Sob curadoria de Serge Toubiana, a mostra do diretor de filmes como O Último Metrô, A Noite Americana e O Homem Que Amava As Mulheres conta com 600 itens, entre os quais estão roteiros, fotos, quadros e pôsteres, além de troféus, como um Oscar e cartas enviadas a Truffaut (incluindo uma de Steven Spielberg). As salas possuem diferentes tipos de interação, sendo que todas são equipadas com painéis explicativos sobre cada fase da vida do cineasta, escritos em inglês e francês.

Duas destas salas possuem grandes mesas em formato de carretéis de filmes, nos quais os objetos estão dispostos. Os carretéis também decoram todo o espaço, com cenas de seus trabalhos. Outros salões transmitem seus filmes e, em algumas televisões, pode-se escolher cena para assistir com um toque na tela. Há ainda entrevistas de Truffaut. Em uma delas, o cineasta, na verdade, entrevista outro gênio do cinema: Alfred Hitchcock, em 1962. O ensejo teve 500 perguntas respondidas pelo criador de Psicose. E como se já não bastassem todos estes artifícios, no primeiro andar da exposição há duas interações ainda mais curiosas. A primeiro é uma sala com diversas camadas de lençóis a serem atravessados. E o que há de diferente nisso? É que nestes lençóis são projetadas cenas e mais cenas de outros longas de Truffaut, fazendo o visitante se sentir literalmente ‘dentro’ da ação.

Já a outra curiosa atração trata-se de corredor com diversas portas das mais variadas cores. Todas têm olho mágico e algumas possuem caixa de cartas, tudo no estilo europeu do século passado. Neles, também verá trechos e cenas dos trabalhos de Truffaut. E quer sabe? Vai sair querendo saber mais do tal francês.

Truffaut – Um Cineasta Apaixonado– Exposição. Em cartaz até 18 de outubro. De terça a sábado, das 12h às 20h; domingos e feriados, das 11h às 19h. MIS – Av. Europa, 158. São Paulo. Ingressos custam entre R$ 5 e R$ 10 e podem ser adquiridos na recepção do local.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;