Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Entregue creche revitalizada no Jardim Santo Alberto


Evandro De Marco
Do Diário do Grande ABC

05/11/2010 | 07:16


Foi reinaugurada ontem a creche República Italiana, no Jardim Santo Alberto, em Santo André. O atendimento será ampliado em 50 vagas, contemplando, ao todo, 300 crianças, desde recém-nascidos, até 3 anos e 11 meses de idade. "Esse é um sonho que se realiza depois de seis anos", revela a diretora da unidade, Isamar de Abreu Chambrone.

Foram investidos cerca de R$ 1,4 milhão usados para a construção de duas salas, berçário, laboratório de informática, salas de leitura e vídeo, além de reforma nas grades de proteção da creche, brinquedos no parquinho, solário coberto para os bebês e a instalação de uma pista de trânsito para ensino de noções de segurança para os alunos no lugar onde antigamente ficava o parque de areia. "O mais importante é que, com essa ampliação, a gente zera a fila de vagas nessa unidade e estenderemos o período integral para 50% das crianças", comemora a secretária de Ensino, Cleide Bochixio.

A notícia foi comemorada pela administradora Regiane Vares, 32 anos, que inscreveu o sobrinho Felipe, 11 meses, para uma das vagas. "Minha irmã trabalha e eu preciso voltar a trabalhar. Quem iria ficar com ele?", pergunta.

Além da creche República Italiana, outras duas escolas de educação infantil foram entregues pela Prefeitura que deverá reinaugurar, até o fim deste ano, mais 11 unidades revitalizadas sob coordenação da Secretaria de Obras e Serviços Públicos.

A próxima unidade deverá ser a Emeief (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) Sônia Marques, no Cesa (Centro Educacional Santo André), na Vila Palmares. Para isso, serão investidos aproximadamente R$ 17 milhões. "Até o ano que vem vamos tentar zerar nosso déficit de escolas na cidade. Mas, é claro, todo ano, outras crianças chegam a procura de vagas", afirma o prefeito Aidan Ravin.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Entregue creche revitalizada no Jardim Santo Alberto

Evandro De Marco
Do Diário do Grande ABC

05/11/2010 | 07:16


Foi reinaugurada ontem a creche República Italiana, no Jardim Santo Alberto, em Santo André. O atendimento será ampliado em 50 vagas, contemplando, ao todo, 300 crianças, desde recém-nascidos, até 3 anos e 11 meses de idade. "Esse é um sonho que se realiza depois de seis anos", revela a diretora da unidade, Isamar de Abreu Chambrone.

Foram investidos cerca de R$ 1,4 milhão usados para a construção de duas salas, berçário, laboratório de informática, salas de leitura e vídeo, além de reforma nas grades de proteção da creche, brinquedos no parquinho, solário coberto para os bebês e a instalação de uma pista de trânsito para ensino de noções de segurança para os alunos no lugar onde antigamente ficava o parque de areia. "O mais importante é que, com essa ampliação, a gente zera a fila de vagas nessa unidade e estenderemos o período integral para 50% das crianças", comemora a secretária de Ensino, Cleide Bochixio.

A notícia foi comemorada pela administradora Regiane Vares, 32 anos, que inscreveu o sobrinho Felipe, 11 meses, para uma das vagas. "Minha irmã trabalha e eu preciso voltar a trabalhar. Quem iria ficar com ele?", pergunta.

Além da creche República Italiana, outras duas escolas de educação infantil foram entregues pela Prefeitura que deverá reinaugurar, até o fim deste ano, mais 11 unidades revitalizadas sob coordenação da Secretaria de Obras e Serviços Públicos.

A próxima unidade deverá ser a Emeief (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) Sônia Marques, no Cesa (Centro Educacional Santo André), na Vila Palmares. Para isso, serão investidos aproximadamente R$ 17 milhões. "Até o ano que vem vamos tentar zerar nosso déficit de escolas na cidade. Mas, é claro, todo ano, outras crianças chegam a procura de vagas", afirma o prefeito Aidan Ravin.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;