Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

HSBC pretende reduzir ativos em 25% e garantir economia



09/06/2015 | 05:05


A venda das operações do HSBC Brasil e Turquia faz parte de um plano mais amplo da instituição financeira de reduzir o total de ativos. Segundo a estratégia da casa divulgada nesta madrugada, a instituição quer reduzir o total de ativos em cerca de um quarto. Com a adoção do plano, o HSBC pretende economizar até US$ 5 bilhões.

De acordo com o comunicado divulgado esta madrugada aos investidores, o plano de redução das atividades passa pela diminuição do total de ativos ponderados do grupo em cerca de 25% e por direcionar esforços na direção de segmentos que ofereçam maior retorno. Uma dessas iniciativas citadas é diminuir a importância do segmento "Global Banking e Mercados" - ramo que atende grandes empresas - para menos de um terço do total de ativos do grupo.

As várias iniciativas que incluem a venda das filiais do Brasil e Turquia devem gerar economia de até US$ 5 bilhões à casa, informa comunicado enviado ao mercado. Isso deve ajudar no plano do HSBC que promete entregar aos acionistas retorno sobre patrimônio maior que 10% em 2017.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

HSBC pretende reduzir ativos em 25% e garantir economia


09/06/2015 | 05:05


A venda das operações do HSBC Brasil e Turquia faz parte de um plano mais amplo da instituição financeira de reduzir o total de ativos. Segundo a estratégia da casa divulgada nesta madrugada, a instituição quer reduzir o total de ativos em cerca de um quarto. Com a adoção do plano, o HSBC pretende economizar até US$ 5 bilhões.

De acordo com o comunicado divulgado esta madrugada aos investidores, o plano de redução das atividades passa pela diminuição do total de ativos ponderados do grupo em cerca de 25% e por direcionar esforços na direção de segmentos que ofereçam maior retorno. Uma dessas iniciativas citadas é diminuir a importância do segmento "Global Banking e Mercados" - ramo que atende grandes empresas - para menos de um terço do total de ativos do grupo.

As várias iniciativas que incluem a venda das filiais do Brasil e Turquia devem gerar economia de até US$ 5 bilhões à casa, informa comunicado enviado ao mercado. Isso deve ajudar no plano do HSBC que promete entregar aos acionistas retorno sobre patrimônio maior que 10% em 2017.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;