Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 14 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Taiwan propõe plano para reduzir tensões sobre Mar do Sul China



26/05/2015 | 03:14


O presidente taiwanês, Ma Ying-jeou revelou nesta terça-feira um plano para acalmar as tensas disputas territoriais sobre o Mar do Sul da China, uma região rica em recursos naturais.

Segundo o plano de Ma, os países que hoje reivindicam para si o território se juntariam para explorar conjuntamente seus recursos.

"Enfatizamos que, em áreas onde a soberania não pode ser dividida, os recursos devem ser partilhados", disse em um discurso ao fórum de pesquisa da região da Ásia e Pacífico.

Além da China e de Taiwan, Brunei, Malásia, Vietnã e Filipinas disputam os 3,5 milhões de quilômetros quadrados da região.

A iniciativa taiwanesa, no entanto, deve encontrar alguma dificuldade de aceitação, uma vez que muitos países não tem relações diplomáticas com Taipei. A China reivindica soberania sobre Taiwan, e usa seu poder político e econômico para impedir que países tenham relação diplomáticas com a ilha. Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Taiwan propõe plano para reduzir tensões sobre Mar do Sul China


26/05/2015 | 03:14


O presidente taiwanês, Ma Ying-jeou revelou nesta terça-feira um plano para acalmar as tensas disputas territoriais sobre o Mar do Sul da China, uma região rica em recursos naturais.

Segundo o plano de Ma, os países que hoje reivindicam para si o território se juntariam para explorar conjuntamente seus recursos.

"Enfatizamos que, em áreas onde a soberania não pode ser dividida, os recursos devem ser partilhados", disse em um discurso ao fórum de pesquisa da região da Ásia e Pacífico.

Além da China e de Taiwan, Brunei, Malásia, Vietnã e Filipinas disputam os 3,5 milhões de quilômetros quadrados da região.

A iniciativa taiwanesa, no entanto, deve encontrar alguma dificuldade de aceitação, uma vez que muitos países não tem relações diplomáticas com Taipei. A China reivindica soberania sobre Taiwan, e usa seu poder político e econômico para impedir que países tenham relação diplomáticas com a ilha. Fonte: Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;