Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Rogério Ceni prega cautela após vitória: 'A vantagem é pequena'



07/05/2015 | 00:24


O goleiro Rogério Ceni classificou como "pequena" a vantagem que o São Paulo conquistou na vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro na noite desta quarta-feira, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Com o resultado, a equipe joga por um empate para buscar a classificação na partida da volta, próxima quarta-feira, no Mineirão.

"É uma vantagem pequena. Não dá para a gente se acomodar em cima dela. É um placar magro e pode ser igualado com uma bola", disse o goleiro.

Em sua opinião, o placar magro foi consequência da falha nas finalizações dos próprios atacantes. "Nós finalizamos mal. Cabeceamos no meio do gol. Não tínhamos especialistas no cabeceio, como Alan Kardec e Luis Fabiano. Acho que o Centurión e o Pato tiveram duas chances, mas o cabeceio não é o forte deles. Na única vez que cabeceamos no chão, no canto, fizemos o gol."

O próprio autor do gol concordou com a avaliação de Rogério Ceni. "Não treino muito cabeceio, mas consegui cabecear para baixo, o que dificultou para o goleiro", disse Centurión.

Para Alexandre Pato, o resultado final foi mais importante que as chances perdidas. O atacante perdeu uma delas na pequena área, acertando o travessão. "O Fábio teve uma grande noite, não podemos tirar o mérito dele. Temos a vantagem, mas vamos buscar a vitória em Minas", afirmou Pato. "Foi uma vitória importante. Empatar traria dificuldades na volta", afirmou Denilson.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Rogério Ceni prega cautela após vitória: 'A vantagem é pequena'


07/05/2015 | 00:24


O goleiro Rogério Ceni classificou como "pequena" a vantagem que o São Paulo conquistou na vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro na noite desta quarta-feira, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores. Com o resultado, a equipe joga por um empate para buscar a classificação na partida da volta, próxima quarta-feira, no Mineirão.

"É uma vantagem pequena. Não dá para a gente se acomodar em cima dela. É um placar magro e pode ser igualado com uma bola", disse o goleiro.

Em sua opinião, o placar magro foi consequência da falha nas finalizações dos próprios atacantes. "Nós finalizamos mal. Cabeceamos no meio do gol. Não tínhamos especialistas no cabeceio, como Alan Kardec e Luis Fabiano. Acho que o Centurión e o Pato tiveram duas chances, mas o cabeceio não é o forte deles. Na única vez que cabeceamos no chão, no canto, fizemos o gol."

O próprio autor do gol concordou com a avaliação de Rogério Ceni. "Não treino muito cabeceio, mas consegui cabecear para baixo, o que dificultou para o goleiro", disse Centurión.

Para Alexandre Pato, o resultado final foi mais importante que as chances perdidas. O atacante perdeu uma delas na pequena área, acertando o travessão. "O Fábio teve uma grande noite, não podemos tirar o mérito dele. Temos a vantagem, mas vamos buscar a vitória em Minas", afirmou Pato. "Foi uma vitória importante. Empatar traria dificuldades na volta", afirmou Denilson.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;