Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 14 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Botafogo vence em Capivari, mas não elimina jogo da volta na Copa do Brasil



30/04/2015 | 00:17


Focado no jogo de domingo contra o Vasco, a finalíssima do Campeonato Carioca, o Botafogo venceu o Capivariano fora de casa, pelo placar de 2 a 1, nesta quarta-feira, mas não conseguiu eliminar o jogo da volta nesta segunda fase da Copa do Brasil.

O técnico René Simões, que sequer viajou para Capivari, em São Paulo, escalou apenas o goleiro Renan da equipe titular nesta noite. O gol da vitória foi marcado pelo experiente meia Daniel Carvalho, que entrou no decorrer do segundo tempo e fez sua estreia com a camisa alvinegra.

No jogo de volta, marcado para a próxima quarta-feira, no Engenhão, o Botafogo entra em campo com a vantagem do empate, ou até mesmo podendo perder por 1 a 0. Já o Capivariano precisa vencer por dois ou mais gols de vantagem para avançar. Quem alcançar a terceira fase vai enfrentar o vencedor do clássico catarinense entre Avaí e Figueirense.

O Botafogo iniciou a partida tentando fazer pressão na defesa do Capivariano. E, depois de reclamar de um pênalti em cima de Sassá, abriu o placar aos dez minutos. Em rápido contra-ataque, Diego cruzou e Sassá se antecipou ao goleiro Douglas, desviando de cabeça.

O time carioca ainda marcou o segundo com Henrique, mas a arbitragem assinalou impedimento. No fim do primeiro tempo, os donos da casa pressionaram e fizeram Renan trabalhar em chute de Everton Dias.

A etapa final começou bastante movimentada, com os dois times criando lances de perigo e exigindo boas defesas dos goleiros. Aos 30 minutos, Marllon aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou no canto de Renan, deixando tudo igual.

O goleiro impediria o gol da virada do Capivariano logo depois, em finalização de Francis. No entanto, aos 39, o estreante Daniel Carvalho recebeu passe de Gegê e, de primeira, acertou um bonito chute no canto de Douglas, assegurando a vitória dos visitantes.

FICHA TÉCNICA:

CAPIVARIANO 1 X 2 BOTAFOGO

CAPIVARIANO - Douglas; Oliveira, Marllon, Fernando Lombardi e Pedro Henrique; Amaral, Wigor, Everton Dias (Francis) e Kleiton Domingues (George); Rodolfo e Romão (William Favoni). Técnico: Evandro de Souza (interino).

BOTAFOGO - Renan; Diego, Alisson, Emerson e Jean; Airton, Andreazzi, Diego Jardel (Daniel Carvalho) e Gegê; Sassá e Henrique (Tássio). Técnico: Alfredo Montesso (auxiliar).

GOLS - Sassá, aos 10 minutos do primeiro tempo. Marllon, aos 30, e Daniel Carvalho, aos 39 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Fernando Lombardi e Kleiton Domingues (Capivariano); Diego Jardel e Andreazzi (Botafogo).

ÁRBITRO - Leonardo Sígari Zanon (PR).

RENDA - R$ 23.455,00.

PÚBLICO - 1.272 pagantes.

LOCAL - Arena Capivari, em Capivari (SP).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Botafogo vence em Capivari, mas não elimina jogo da volta na Copa do Brasil


30/04/2015 | 00:17


Focado no jogo de domingo contra o Vasco, a finalíssima do Campeonato Carioca, o Botafogo venceu o Capivariano fora de casa, pelo placar de 2 a 1, nesta quarta-feira, mas não conseguiu eliminar o jogo da volta nesta segunda fase da Copa do Brasil.

O técnico René Simões, que sequer viajou para Capivari, em São Paulo, escalou apenas o goleiro Renan da equipe titular nesta noite. O gol da vitória foi marcado pelo experiente meia Daniel Carvalho, que entrou no decorrer do segundo tempo e fez sua estreia com a camisa alvinegra.

No jogo de volta, marcado para a próxima quarta-feira, no Engenhão, o Botafogo entra em campo com a vantagem do empate, ou até mesmo podendo perder por 1 a 0. Já o Capivariano precisa vencer por dois ou mais gols de vantagem para avançar. Quem alcançar a terceira fase vai enfrentar o vencedor do clássico catarinense entre Avaí e Figueirense.

O Botafogo iniciou a partida tentando fazer pressão na defesa do Capivariano. E, depois de reclamar de um pênalti em cima de Sassá, abriu o placar aos dez minutos. Em rápido contra-ataque, Diego cruzou e Sassá se antecipou ao goleiro Douglas, desviando de cabeça.

O time carioca ainda marcou o segundo com Henrique, mas a arbitragem assinalou impedimento. No fim do primeiro tempo, os donos da casa pressionaram e fizeram Renan trabalhar em chute de Everton Dias.

A etapa final começou bastante movimentada, com os dois times criando lances de perigo e exigindo boas defesas dos goleiros. Aos 30 minutos, Marllon aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou no canto de Renan, deixando tudo igual.

O goleiro impediria o gol da virada do Capivariano logo depois, em finalização de Francis. No entanto, aos 39, o estreante Daniel Carvalho recebeu passe de Gegê e, de primeira, acertou um bonito chute no canto de Douglas, assegurando a vitória dos visitantes.

FICHA TÉCNICA:

CAPIVARIANO 1 X 2 BOTAFOGO

CAPIVARIANO - Douglas; Oliveira, Marllon, Fernando Lombardi e Pedro Henrique; Amaral, Wigor, Everton Dias (Francis) e Kleiton Domingues (George); Rodolfo e Romão (William Favoni). Técnico: Evandro de Souza (interino).

BOTAFOGO - Renan; Diego, Alisson, Emerson e Jean; Airton, Andreazzi, Diego Jardel (Daniel Carvalho) e Gegê; Sassá e Henrique (Tássio). Técnico: Alfredo Montesso (auxiliar).

GOLS - Sassá, aos 10 minutos do primeiro tempo. Marllon, aos 30, e Daniel Carvalho, aos 39 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Fernando Lombardi e Kleiton Domingues (Capivariano); Diego Jardel e Andreazzi (Botafogo).

ÁRBITRO - Leonardo Sígari Zanon (PR).

RENDA - R$ 23.455,00.

PÚBLICO - 1.272 pagantes.

LOCAL - Arena Capivari, em Capivari (SP).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;