Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Nova série de ataques no Iraque deixa 16 mortos


Da AFP

08/06/2005 | 15:39


Fontes de segurança informaram que já soma 16 o número de iraquianos mortos em diversos ataques e um atentado com carro-bomba nesta quarta-feira na região de Bagdá e ao norte da capital.

Em um dos ataques, dois guarda-costas do deputado curdo Freidun Abdel Kader foram assassinados no automóvel em que estavam, na entrada sul de Bagdá. utros três iraquianos morreram num atentado na região de Baaquba, 60 km ao norte de Bagdá, e um civil foi morto a tiros na capital.

Em outro ataque perto de Baaquba, dois iraquianos também morreram em explosão diante de um posto de gasolina. Segundo as testemunhas, a explosão aconteceu na passagem de uma patrulha do exército americano. Um intérprete iraquiano que trabalhava para o exército americano também morreu em Baaquba.

A província de Diyala, onde fica Baaquba, vem sendo cenário freqüente de ataques dos rebeldes contra as forças iraquianas e o exército americano. Dois suspeitos foram presos pelos militares americanos depois do episódio.

Também no norte de Bagdá, uma mulher iraquiana e seu filho morreram em Chorgat atingidos por disparos durante um enfrentamento entre as forças de segurança iraquianas e combatentes armados.

Um oficial do exército morreu atingido em Balad, 70 km ao norte de Bagdá. No centro da capital, homens armados atingiram uma patrulha da polícia, matando um civil e ferindo outros dois, assim como quatro policiais.

Outros três soldados iraquianos morreram quando um homem-bomba explodiu em Baiji, norte de Bagdá. Em outro ataque, uma bomba artesanal explodiu na passagem de uma patrulha dos Estados Unidos na zona de Bagdá-Jadida, leste da capital, sem que se tenha notícias de mortos ou feridos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Nova série de ataques no Iraque deixa 16 mortos

Da AFP

08/06/2005 | 15:39


Fontes de segurança informaram que já soma 16 o número de iraquianos mortos em diversos ataques e um atentado com carro-bomba nesta quarta-feira na região de Bagdá e ao norte da capital.

Em um dos ataques, dois guarda-costas do deputado curdo Freidun Abdel Kader foram assassinados no automóvel em que estavam, na entrada sul de Bagdá. utros três iraquianos morreram num atentado na região de Baaquba, 60 km ao norte de Bagdá, e um civil foi morto a tiros na capital.

Em outro ataque perto de Baaquba, dois iraquianos também morreram em explosão diante de um posto de gasolina. Segundo as testemunhas, a explosão aconteceu na passagem de uma patrulha do exército americano. Um intérprete iraquiano que trabalhava para o exército americano também morreu em Baaquba.

A província de Diyala, onde fica Baaquba, vem sendo cenário freqüente de ataques dos rebeldes contra as forças iraquianas e o exército americano. Dois suspeitos foram presos pelos militares americanos depois do episódio.

Também no norte de Bagdá, uma mulher iraquiana e seu filho morreram em Chorgat atingidos por disparos durante um enfrentamento entre as forças de segurança iraquianas e combatentes armados.

Um oficial do exército morreu atingido em Balad, 70 km ao norte de Bagdá. No centro da capital, homens armados atingiram uma patrulha da polícia, matando um civil e ferindo outros dois, assim como quatro policiais.

Outros três soldados iraquianos morreram quando um homem-bomba explodiu em Baiji, norte de Bagdá. Em outro ataque, uma bomba artesanal explodiu na passagem de uma patrulha dos Estados Unidos na zona de Bagdá-Jadida, leste da capital, sem que se tenha notícias de mortos ou feridos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;