Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Cadê a secretária para dar explicação?

O governo Luiz Marinho (PT) está preocupado com a repercussão negativa depois que cortou metade da merenda de 80 mil estudantes da pré-escola e do Ensino Fundamental.


Do Diário do Grande ABC

11/02/2015 | 07:00


O governo Luiz Marinho (PT) está preocupado com a repercussão negativa depois que cortou metade da merenda de 80 mil estudantes da pré-escola e do Ensino Fundamental. Os alunos do matutino não têm mais café e os da tarde estão sem almoço. O caso está sendo investigado pelo Ministério Público. Ontem o secretário de Governo, José Albino (PT), reuniu os vereadores da base aliada para explicar a situação. Foi auxiliado por uma nutricionista. A principal justificativa foi de que a redução no fornecimento de alimentos visa combater a obesidade infantil. Neste momento Albino foi interpelado por um vereador, que disse desconhecer o problema em seu reduto eleitoral. O segundo argumento foi o de redução nos gastos da administração. Seriam economizados em torno de R$ 26 milhões ao ano com a readequação das refeições. O que também não convenceu os parlamentares governistas, que inclusive vão formular requerimento de informação ao Paço, fato nada convencional. Notou que a secretária de Educação, Cleuza Repulho (PT), não estava na reunião? Dizem que ela não anda com moral junto ao bloco de situação. E com a ausência dela, teve vereador que deixou o encontro.

Alalaô

A andreense Miriam Belchior (PT) foi anunciada ontem como presidente da Caixa Econômica Federal. Assume oficialmente dia 23. Recebeu ligação do prefeito de Santo André e amigo, Carlos Grana (PT). O chefe do Executivo a convidou para participar do Carnaval, sábado e domingo, na Avenida Firestone. Ela ainda não confirmou presença.

A chave sumiu

Wanessa Bomfim (PMDB) assumiu cadeira no Legislativo de Mauá no lugar de Manoel Lopes (DEM), cassado pela Justiça Eleitoral. A peemedebista participou de reuniões e esteve na sessão. Mas não pôde dar expediente no gabinete, que ficou fechado. Ninguém achou a chave principal nem a reserva. Ela despachou alguns documentos da sala do presidente da Câmara, Marcelo Oliveira (PT).

Na paz

Paulo Eugenio (PT) deixou a Secretaria de Mobilidade de Mauá para ser candidato a deputado estadual. Sem sucesso, está na expectativa de retornar ao governo Donisete Braga (PT). Dizem que há rusgas entre eles. O prefeito garante que não. “Tenho dialogado com o Paulo. Ele está resolvendo pendências pessoais. Pediu prazo para voltar para a administração.” 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;