Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 12 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Motoboy mata ex-namorada no motel


Bruno Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

25/04/2008 | 07:01


A suíte número 22 do Motel De Greville, na Estrada do Vergueiro, em São Bernardo, foi cenário de um crime passional na madrugada de ontem. Segundo a Polícia Civil, o motoboy Roberto dos Santos Silva, 23 anos, matou a tiros a ex-namorada Maria Fabiana Gonçalves dos Santos, 21, e depois tentou o suicídio.

A moça levou três tiros no peito. Silva foi encontrado com um disparo pouco abaixo do ombro esquerdo e outro no pescoço, mas estava vivo e recebeu socorro médico.

A polícia ainda não tem certeza dos motivos do crime. Silva teria confirmado à polícia que a arma era dele, e que o casal teve uma discussão. Alterada, a moça teria pego a arma e atirado contra Silva que, mesmo ferido, desarmou a ex-namorada e revidou os tiros.

Entretanto, a versão não convenceu o delegado-titular do 3º Distrito Policial de São Bernardo, Paul Henry Verduraz. "Não havia nenhum indício que sustentasse essa história", disse o delegado. Verduraz acredita mais na hipótese de homicídio seguido de tentativa de suicídio, e pediu uma perícia no quarto ao Instituto de Criminalística. O delegado prendeu Silva em flagrante.

CRIME
Maria Fabiana foi encontrada pela polícia nua, deitada na cama, com o corpo ensagüentado.. Silva estava ao lado dela, também despido, mas coberto com o cobertor. A arma do crime, um revólver calibre 38, estava ao lado do rapaz.

Segundo a Polícia Civil, o casal entrou no quarto a meia-noite. Ficariam por três horas lá. Por volta da 1h, funcionários ouviram alguns disparos vindos do interior da suíte. Uma arrumadeira chegou a se aproximar da porta, mas relatou não ter ouvido mais nenhum barulho. Às 3h35, quando o horário de saída encerrou-se, o motel decidiu manter o casal no quarto até às 6h - procedimento que seria praxe na casa quando casais se atrasam. Quando o novo horário venceu e ninguém saiu, os funcionários chamaram a Polícia Militar.

Os PMs chegaram e chamaram pelo casal na porta da suíte. Só era possível ouvir o barulho do chuveiro e do rádio. Depois de repetir o chamado, um policial ouviu alguém responder. Era Silva.

Com voz fraca, o suspeito teria dito que não tinha forças para abrir a porta. Por isso, os policias a arrombaram.

O acusado foi levado ao Pronto-Socorro Central de São Bernardo e, depois, para o hospital Anchieta. Ele não corre risco de morte. Será transferido para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de São Bernardo assim que tiver alta médica.

Maria Fabiana morava no bairro Areião, em São Bernardo. O encontrou com Silva era uma tentativa de reatar o namoro do casal.
Procurada, a direção do Motel De Greville não quis comentar o caso.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Motoboy mata ex-namorada no motel

Bruno Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

25/04/2008 | 07:01


A suíte número 22 do Motel De Greville, na Estrada do Vergueiro, em São Bernardo, foi cenário de um crime passional na madrugada de ontem. Segundo a Polícia Civil, o motoboy Roberto dos Santos Silva, 23 anos, matou a tiros a ex-namorada Maria Fabiana Gonçalves dos Santos, 21, e depois tentou o suicídio.

A moça levou três tiros no peito. Silva foi encontrado com um disparo pouco abaixo do ombro esquerdo e outro no pescoço, mas estava vivo e recebeu socorro médico.

A polícia ainda não tem certeza dos motivos do crime. Silva teria confirmado à polícia que a arma era dele, e que o casal teve uma discussão. Alterada, a moça teria pego a arma e atirado contra Silva que, mesmo ferido, desarmou a ex-namorada e revidou os tiros.

Entretanto, a versão não convenceu o delegado-titular do 3º Distrito Policial de São Bernardo, Paul Henry Verduraz. "Não havia nenhum indício que sustentasse essa história", disse o delegado. Verduraz acredita mais na hipótese de homicídio seguido de tentativa de suicídio, e pediu uma perícia no quarto ao Instituto de Criminalística. O delegado prendeu Silva em flagrante.

CRIME
Maria Fabiana foi encontrada pela polícia nua, deitada na cama, com o corpo ensagüentado.. Silva estava ao lado dela, também despido, mas coberto com o cobertor. A arma do crime, um revólver calibre 38, estava ao lado do rapaz.

Segundo a Polícia Civil, o casal entrou no quarto a meia-noite. Ficariam por três horas lá. Por volta da 1h, funcionários ouviram alguns disparos vindos do interior da suíte. Uma arrumadeira chegou a se aproximar da porta, mas relatou não ter ouvido mais nenhum barulho. Às 3h35, quando o horário de saída encerrou-se, o motel decidiu manter o casal no quarto até às 6h - procedimento que seria praxe na casa quando casais se atrasam. Quando o novo horário venceu e ninguém saiu, os funcionários chamaram a Polícia Militar.

Os PMs chegaram e chamaram pelo casal na porta da suíte. Só era possível ouvir o barulho do chuveiro e do rádio. Depois de repetir o chamado, um policial ouviu alguém responder. Era Silva.

Com voz fraca, o suspeito teria dito que não tinha forças para abrir a porta. Por isso, os policias a arrombaram.

O acusado foi levado ao Pronto-Socorro Central de São Bernardo e, depois, para o hospital Anchieta. Ele não corre risco de morte. Será transferido para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de São Bernardo assim que tiver alta médica.

Maria Fabiana morava no bairro Areião, em São Bernardo. O encontrou com Silva era uma tentativa de reatar o namoro do casal.
Procurada, a direção do Motel De Greville não quis comentar o caso.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;