Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Famílias separadas por Guerra Fria poderao rever seus parentes


Do Diário do Grande ABC

14/08/2000 | 11:36


Após 50 anos de separaçao causada pela Guerra Fia, 100 coreanos do Norte e outros 100 do Sul poderao, finalmente, rever seus parentes. Um aviao chega amanha a Seul trazendo os norte-coreanos. Na mesma aeronave vao embarcar os sul-coreanos, com destino a Pyongyang.

O grupo é o primeiro de milhoes de pessoas separadas de suas famílias, desde 1950, quando tropas da Coréia do Norte invadiram o sul, numa tentativa de unificar o país sob o regime comunista. Foram três anos de guerra, mas cinco séculos de hostilidades, quebrados em junho passado quando os presidentes dos dois países da península Coreana participaram de um encontro histórico rumo à reconciliaçao.

Seúl e Pyongyang organizaram reencontros familiares em 1985, mas os rancores políticos impediram a repetiçao da iniciativa. Mesmo agora, os sul-coreanos que viajam na terça-feira ao Norte receberam instruçoes de evitar as conversaçoes políticas.

Eles foram brindados com um banquete, oferecido pelo presidente Kim Dae-jung, na Casa Azul, sede do Governo da Coréia do Sul. Dae-jung afirmou, em discurso, que a reconciliaçao é um processo longo e anunciou a abertura de uma agência para permitir a troca de correspondências e a organizaçao de novas visitas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;