Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 10 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Vigilante é baleado no tórax e na cabeça em São Bernardo


Evandro De Marco

18/04/2010 | 07:14


O vigilante de um bar no Jardim Calux, em São Bernardo, foi baleado no início da madrugada de ontem. Márcio dos Santos, 28 anos, estava acompanhado de outro segurança em frente ao estabelecimento quando, pouco depois da meia-noite, chegou um carro - possivelmente um Fiat Tempra. O motorista jogou o veículo para cima de Santos e o amigo. Ambos foram atropelados.

Mesmo feridos, os dois seguranças tentaram correr, mas Santos foi baleado na cabeça e no tórax. Depois dos disparos, o atirador fugiu.

A vítima foi levada ao Pronto Socorro Central da cidade por pessoas que estavam no bar no momento do crime e permanecia internado até a noite de ontem. O outro segurança não foi encontrado pela polícia para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vigilante é baleado no tórax e na cabeça em São Bernardo

Evandro De Marco

18/04/2010 | 07:14


O vigilante de um bar no Jardim Calux, em São Bernardo, foi baleado no início da madrugada de ontem. Márcio dos Santos, 28 anos, estava acompanhado de outro segurança em frente ao estabelecimento quando, pouco depois da meia-noite, chegou um carro - possivelmente um Fiat Tempra. O motorista jogou o veículo para cima de Santos e o amigo. Ambos foram atropelados.

Mesmo feridos, os dois seguranças tentaram correr, mas Santos foi baleado na cabeça e no tórax. Depois dos disparos, o atirador fugiu.

A vítima foi levada ao Pronto Socorro Central da cidade por pessoas que estavam no bar no momento do crime e permanecia internado até a noite de ontem. O outro segurança não foi encontrado pela polícia para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;