Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Argentina suspende operações da P&G por suposta fraude



03/11/2014 | 06:07


O governo argentino suspendeu as operações da multinacional Procter & Gamble após a receita federal argentina (Afip, na sigla em espanhol) acusar a empresa de fraude fiscal.

Em comunicado publicado neste domingo, o órgão afirma que a suposta fraude envolve produtos importados do Brasil, no valor de US$ 138 milhões. Segundo o documento, os produtos chegavam à Argentina por meio de uma subsidiária suíça da companhia, numa tentativa de se livrar dos impostos. A P&G ainda não se pronunciou.

"Empresas globais não podem gerir seus lucros enganando o governo, evadindo tributos e retirando recursos do país, porque seus comportamentos irregulares impedem o desenvolvimento da nação", disse a Afip. Fonte: Associated Press



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Argentina suspende operações da P&G por suposta fraude


03/11/2014 | 06:07


O governo argentino suspendeu as operações da multinacional Procter & Gamble após a receita federal argentina (Afip, na sigla em espanhol) acusar a empresa de fraude fiscal.

Em comunicado publicado neste domingo, o órgão afirma que a suposta fraude envolve produtos importados do Brasil, no valor de US$ 138 milhões. Segundo o documento, os produtos chegavam à Argentina por meio de uma subsidiária suíça da companhia, numa tentativa de se livrar dos impostos. A P&G ainda não se pronunciou.

"Empresas globais não podem gerir seus lucros enganando o governo, evadindo tributos e retirando recursos do país, porque seus comportamentos irregulares impedem o desenvolvimento da nação", disse a Afip. Fonte: Associated Press

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;