Fechar
Publicidade

Sábado, 4 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Candidatos deixam
lixo pelas ruas da região

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Vento forte levou material de campanha para
dentro dos imóveis e incomodou os moradores


Renata Rocha
Do Diário do Grande ABC

07/10/2014 | 07:00


Um dia após a eleição, o retrato das ruas do Grande ABC é de sujeira. Os santinhos de políticos estavam espalhados próximos aos colégios eleitorais ontem, causando constante risco de queda de pedestres. O vento do início da manhã piorou ainda mais a situação, já que levou a papelada para dentro dos quintais.

“Trabalho de bicicleta e, em alguns pontos, precisei descer e passar andando para não correr o risco de cair. É um absurdo todos esses papéis jogados na rua. Os políticos que realizam esse tipo de campanha deveriam ser multados”, reclama o mecânico Valdemir Soares da Cunha, 46 anos, que trabalha na Vila Guiomar, em Santo André.

Na Praça Lions, em frente à Fundação Santo André, os efeitos da campanha de papel eram evidentes. Segundo a gari Norma Silva Gomes, 61, a limpeza começou no domingo, mas a sujeira era tanta que ontem ela fazia hora extra.

“Imagina esse monte de papel em dia de chuva? A gente precisa trabalhar rápido para ir a outros locais que também estão sujos, caso contrário os santinhos vão se espalhar. Meu horário de entrada no trabalho é ao meio-dia, mas hoje entrei às 7h para ajudar.”

Em São Bernardo, as ruas do Centro já tinham pouca sujeira no período da manhã, mas os bairros mais afastados não receberam a mesma atenção. Comerciantes fizeram eles mesmos a retirada do lixo para não atrapalhar os negócios. “Tenho comércio aqui há 15 anos. Estou fazendo o que posso para ajudar os garis, já tirei mais de um saco cheio de propagandas de políticos”, disse o vendedor Osmar Belarmim da Silva, 64, que possui uma barraca de salgados na Vila São Pedro.

Em São Caetano os garis começaram a trabalhar cedo e quase não se viam panfletos nas ruas. Quem teve mais problemas foram os moradores que não conseguiram evitar que os santinhos entrassem em suas garagens. “Ontem tirei dois sacos cheios de papel do meu quintal e hoje estou varrendo mais uma vez. Não deveriam votar em políticos que sujam a cidade”, destaca a aposentada Vilcéia Gasparoto, 69.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;