Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 18 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Coritiba quer manter invencibilidade contra Atlético-PR



27/08/2011 | 07:20


O Coritiba espera que mais uma vez a força da torcida empurre o time contra o Atlético Paranaense para manter a invencibilidade em clássicos contra o rival regional, que já se estende desde maio de 2008, na partida deste sábado, às 18 horas, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela 19.ª rodada do Campeonato Brasileiro. "É um jogo fundamental no campeonato, para terminar bem o turno, numa posição ainda melhor", destacou o técnico Marcelo Oliveira. O time está na 10.ª colocação, com 25 pontos.

O alerta vem dos próprios jogadores, visto que o adversário, apesar de estar na zona de rebaixamento, não perde há seis rodadas. "É um time que está pegando confiança e vem numa crescente. Isso é o que mais nos preocupa", afirmou o volante Léo Gago, que retorna à equipe depois de cumprir suspensão contra o Avaí. "Mas dentro de casa a gente tem que se impor e fazer um grande jogo".

O treinador não poderá contar com o volante Leandro Donizete, nem com o lateral direito Jonas e seu reserva Maranhão, que receberam o terceiro cartão amarelo. Mas, além de Léo Gago, terá o retorno do atacante Bill e do meia Rafinha. "O nosso torcedor gosta de ir para o estádio sempre e espero que eles possam nos incentivar do começo ao fim para conseguirmos uma vitória", pediu o meia.

ATLÉTICO-PR - O Atlético espera que o jogo seja um marco para deixar definitivamente a zona de rebaixamento. "Clássico não tem favorito, independe de como os clubes estão no campeonato, às vezes é uma grande chance para uma equipe que não vem bem crescer na competição", acentuou o técnico Renato Gaúcho. O time está na 17.ª colocação, com 17 pontos.

O treinador preferiu não divulgar o time, mas deve colocar os mesmos jogadores que atuaram nos últimos jogos. "O Atlético tem sua filosofia de jogo e tem dado certo. Eles (jogadores) sabem exatamente o que tem que ser feito dentro de campo e estão dando conta do recado", afirmou Renato. "O torcedor pode ficar tranquilo, vai ver uma equipe que vai buscar o resultado e jogar com muita garra".

Experiente, o meia Cleber Santana alertou para a necessidade de ter "equilíbrio". "Todo mundo está bem focado, bem concentrado naquilo que a gente vai fazer", acentuou. Segundo ele, não se pode deixar influenciar nem pela situação do time na tabela de classificação e nem pela invencibilidade de seis jogos. "A gente tem que ter tranquilidade, seguir trabalhando, porque somente com trabalho vai sair dessa situação e não tem essa de oba-oba. O jogo se resolve dentro das quatro linhas", disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;