Política

PV ratifica pré-candidaturas de Eduardo Jorge e Natalini


O presidente nacional do PV, José Luiz Penna, disse ontem que as pré-candidaturas do partido à Presidência da República, com o ex-deputado federal Eduardo Jorge, e ao governo do Estado, com o vereador da Capital Gilberto Natalini, são irreversíveis. 

“Estão consolidadas. Estamos trabalhando para conseguir um resultado eleitoral compatível com nossa tradição”, declarou Penna, durante evento regional da sigla, na Câmara de São Bernardo.

O PV banca a candidatura de Natalini mesmo integrando a base do governador Geraldo Alckmin (PSDB). O partido possui a Secretaria Estadual de Saneamento e Recursos Hídricos, chefiada por Edson Giriboni (PV). Penna considera que o tucano não deve abrir mão do apoio do PV à gestão. Para o mandatário, compete ao tucano decidir o futuro da sigla no primeiro escalão do Palácio dos Bandeirantes.

 “O governador sabe que teremos candidato em qualquer cenário. Essa questão (da Pasta), ele é quem vai definir, mas vamos seguir nosso caminho”, declarou o verde. Na Assembleia Legislativa, os verde têm a terceira maior bancada, com oito deputados.

 Em fase de pré-campanha, Natalini já visitou cerca de 90 cidades no Estado para propagar seu nome. “O PV tem o direito legal de ter candidato (ao governo de São Paulo)”, frisou o pré-candidato.

 O projeto do parlamentar paulistano não é vista com bons olhos pelo prefeito de Diadema, Lauro Michels, atualmente um dos principais nomes do PV no Grande ABC. No começo do ano ele declarou que a indicação do correligionário seria “uma aventura mal-sucedida".

 Em tom ameno, Penna retrucou a crítica de Lauro. “Foi uma declaração precipitada, que é próprio da sua juventude, mas aos poucos tudo vai se encaminhar”, ponderou o dirigente. 

COMPOSIÇÃO

 Enquanto a alta cúpula do PV se articula para a disputa majoritária, a sigla se organiza no Grande ABC para definir os postulantes a deputado federal e estadual.

 Segundo a dirigente são-bernardense da sigla Vera Motta, a legenda deve ter nove candidatos, entre aspirantes à vaga na Assembleia Legislativa e à Câmara Federal. “Estamos dialogando sobre esse processo”, disse Vera. Dentre os nomes, está o da deputada estadual Regina Gonçalves, que disputará a reeleição.

Comentários


Veja Também


PV ratifica pré-candidaturas de Eduardo Jorge e Natalini

O presidente nacional do PV, José Luiz Penna, disse ontem que as pré-candidaturas do partido à Presidência da República, com o ex-deputado federal Eduardo Jorge, e ao governo do Estado, com o vereador da Capital Gilberto Natalini, são irreversíveis. 

“Estão consolidadas. Estamos t...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar