Início
Clube
Banca
Colunista
Redes Sociais
DGABC

Segunda-Feira, 20 de Maio de 2024

Diarinho
>
Jogos que ensinam
Movimentos no tabuleiro

Jogos estimulam a concentração, ajudam no desenvolvimento e são muito divertidos

Jaque Correa
03/03/2024 | 14:17
Compartilhar notícia
Fotos: Rodrigo Scimini Gibba/Divulgação


Dos clássicos aos mais modernos, existem jogos de tabuleiro de todos os tipos imagináveis para diversos gostos, e as crianças não ficam de fora dessa. Na pandemia de Covid-19, quando famílias tinham que ficar em casa, jogos de tabuleiro foram a solução que muitos pais encontraram para entreter os pequenos. Segundo o Euromonitor International, as vendas na época cresceram 3,16%. Mas, nos dias de hoje, por que investir em jogos de tabuleiro para a criançada? 

Além do entretenimento, estas brincadeiras analógicas são benéficas para a criança, Cintia Pattaro, 51 anos, que está há 10 anos na USCS (Universidade Municipal de São Caetano), é mestre em pedagogia e psicóloga comportamental, explicou que “quando introduzimos as crianças em jogos de tabuleiro, estimulamos habilidades socioemocionais e cognitivas, como trabalhar em grupo, criar estratégias e atividades de comunicação verbal. Esses jogos desenvolvem essas habilidades na criança e podem ser usados para trabalhar qualquer área do conhecimento”. 

As irmãs Mayara Bibiana de Oliveira Otorino, 10, e Marina Luiza de Oliveira Otorino, 6, moradoras do Jardim Irajá, são alunas do Centro de Formação e Treinamento de Xadrez e Damas de São Bernardo. Mayara, que começou ano passado a aprender, já percebe o quanto o jogo vem ajudando-a. “Xadrez é divertido, estou amando jogar, e também ajuda nos estudos. Sempre gostei de matemática, agora estou gostando de geometria por causa do xadrez”, associa. 

Marina decidiu seguir os passos da irmã mais velha e começou as aulas neste ano, “O xadrez deixa a gente mais inteligente”, comenta. A pequena ainda conta que sua peça favorita é a rainha, porque “ela fica andando bastante” pelo tabuleiro, em referência à peça mais poderosa do quadrilátero mágico.

A mãe das duas meninas, Elizangela Costa e Silva de Oliveira, observa a evolução a longo prazo de Mayara, que, após iniciar as aulas de xadrez, “melhorou a atenção, a concentração e o raciocínio”, o que se refletiu na escola e nos estudos.

O Centro de Treinamento são-bernardense está com as inscrições abertas para as aulas gratuitas a qualquer interessado, sem limite de idade. As aulas de xadrez, com o professor Rodrigo Gibba, acontecem às segundas, terças, quintas e sextas-feiras, das 14h às 19h, e às quartas, das 7h30 às 11h30. 

Já para quem quiser aprender damas, os horários são de quarta-feira, das 13h30 às 17h30, e aos sábados, das 14h às 18h, com o professor Mateus Carvalho. O espaço fica situado na Rua Tiradentes, 1.845, na Vila do Tanque, dentro da Arena Olímpica São Bernardo.




Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.