Economia

Pequenos pontos de atenção para uma ótima viagem




Comprar uma viagem é sinônimo de felicidade e de prazer. Viajar é estar com amigos, família, visitar novos lugares, experiências e aquisição de cultura. Isso é o básico e mínimo. Notem que a palavra ''''PROBLEMA'''' não aparece nesta definição. 

Para que isso ocorra, faça um check list, e com isso terá uma aquisição consciente, avaliada em detalhes e acima de tudo com atenção a pontos costumeiramente esquecidos pelo viajante.

O contrato da viagem – você leu seu contrato com atenção? Esta descriminado tudo  que lhe foi ofertado?  Ou você apenas confia na memória, no que lhe foi dito ou anunciado? As viagens de modo geral, são compradas com muita antecedência, portanto, a memória não é uma boa referencia, e tão pouco serve para reclamar posteriormente.

Viajar com a roupa do corpo inexiste, saiba que em alguns casos a bagagem não inclusa na sua passagem, poderá lhe custar praticamente o mesmo valor do bilhete aéreo, principalmente em voos internacionais. Atenção também às taxas de embarque, algumas são maiores que o valor da passagem. Sites costumam aplicar este caminho enganoso.

Pesquisou sobre a segurança do local a visitar e costumes? Nem sempre tudo que reluz é ouro, com exceção a Dubai, onde tudo é ouro, incluso os preços de bebidas, refeições e passeios. 

Tempo e temperatura – estes são fatores que podem desencadear uma experiência frustrante se não existir uma atenção especial do turista, nada mais terrível que estar na praia em dias frios ou na serra em dias quentes, não existe obrigação de acertar, mais atenção e avaliação da temperatura média no período que você estará no local é importante.

Horários de voos com relação a horários de check in e check out de hotéis sabiam que o fato de você chegar ao destino ou sair dele em determinado horário, não tem relação com horários dos hotéis? Muitos turistas já se viram por horas em recepção ou aeroportos aguardando e sofrendo.

Comprar pela internet ou pessoalmente? Importante são a segurança e a credibilidade de onde você esta adquirindo, sites internacionais, costumeiramente dá muito mais trabalho para soluções em caso de problemas.

Por ultimo, e não por fim, usando Russomano, PEÇA A NOTA FISCAL SEMPRE. Só ela consegue documentar oficialmente a aquisição feita. 

*Rodermil Pizzo tem 36 anos de atividades no turismo. É jornalista, empresário, professor universitário e mestre em hospitalidade. Esta coluna é atualizada todas as terças-feiras. E-mail: rodermil@dgabc.com.br.

Comentários


Veja Também



Voltar