Setecidades

Ribeirão Pires desmobiliza Hospital de Campanha no mesmo dia em que vacina moradores com mais 18 anos




Neste sábado, 7, o dia será histórico para a cidade de Ribeirão Pires. O município é o primeiro entre as sete cidades a imunizar os jovens com 18 anos ou mais e, oficialmente, o Hospital de Campanha da cidade será desmobilizado. “Tivemos média de dois pacientes internados na última semana, o que por hora não justifica  a manutenção da Unidade Hospitalar. No entanto, manteremos a estrutura física para em caso de uma terceira onda, estarmos preparados para dar todo o suporte necessário”, justificou o Secretário de saúde, Audrei Rocha. 

O Hospital de Campanha de Ribeirão Pires já não recebe pacientes desde o último dia 31 de julho, quando as duas pessoas que estavam internadas foram transferidas para o complexo hospitalar da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Santa Luzia, que está equipada com 16 leitos, sendo cinco de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), 10 de enfermaria e um de isolamento.    

Como boa notícia, à medida em que a imunização contra a Covid-19 na cidade foi avançando, o número de pacientes internados e óbitos foi caindo gradativamente. Hoje, Ribeirão Pires possui cinco pessoas internadas, sendo três em leitos de UTI e dois em leitos de enfermaria. Cerca de 92,5% (83.211) da população adulta já está vacinada com a primeira dose ou dose única e 31,5% (28.383) já estão com o esquema vacinal completo em duas doses.

Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários


Veja Também



Voltar