Cena Política

Marangoni abre leque de alternativas




A manobra do grupo do secretário executivo de Habitação do Estado, Fernando Marangoni (DEM), em pegar o comando do Podemos em Santo André praticamente sela duas movimentações em torno do democrata. A primeira, que Marangoni é candidatíssimo na eleição do ano que vem – deve vir a deputado federal e costura apoio do prefeito Paulo Serra (PSDB), de olho em dobrada com a primeira-dama e presidente do Núcleo de Inovação Social, Ana Carolina Barreto Serra. A segunda, que ele deve deixar o DEM em breve. A saída do vice-governador Rodrigo Garcia do partido (migrou para o PSDB, com objetivo de ser candidato ao Palácio dos Bandeirantes), alterou os planos de Marangoni, que teve de abrir o leque de possibilidades com vistas a 2022. No Podemos, em que pese existir a candidatura consolidada da deputada federal Renata Abreu, presidente nacional da sigla, há entendimento de que existe competitividade por vagas restantes na chapa.

Vacinado
O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), enfim se vacinou contra a Covid-19. Fez ato no sábado, ao lado da deputada estadual Carla Morando (PSDB) – que também se imunizou. Esta coluna mostrou na semana passada que a classe política da cidade achava estranho o fato de o tucano, com 46 anos, ainda não ter capitalizado politicamente a aplicação da dose.

Palestra
A Agência de Desenvolvimento Econômico do Grande ABC organiza na quinta-feira debate sobre planejamento estratégico, tendo o Sebrae como parceiro. Representantes da Secretaria paulista de Desenvolvimento Econômico participarão da atividade, que acontece das 9h às 16h, no Centro de Formação de Professores Clarice Lispector (Rua Tirol, 5, Parque das Nações, Santo André). Inscrições podem ser feitas no e-mail gabineteagenciagabc@gmail.com ou pelos telefones 4436-3121 ou 99515-0332.

Planejamento
Ex-secretário de Obras em Mauá, Júnior Orosco (PDT) reuniu grupo de apoiadores em bufê em Santo André, dando pontapé inicial na pré-campanha à Câmara Federal. Participaram 150 pessoas, de forma presencial, e outras 1.000 lideranças do Estado, de forma remota, desenhando o planejamento para o ano que vem. O pedetista recebeu votos suficientes para ter uma cadeira no Congresso Nacional, mas foi enquadrado pela Justiça Eleitoral e teve sua votação anulada. Agora, garante não ter pendências jurídicas para obter a vaga na casa.

Moção
Além da abertura de apuração dentro do conselho de ética sobre a atuação da vereadora Bruna Biondi (Psol), do mandato coletivo Mulheres por Mais Direitos, a Câmara de São Caetano analisará hoje moção de repúdio à parlamentar. Proposta pelo líder do governo na casa, Gilberto Costa (Avante), e pelo governista Daniel Córdoba (PSDB), a medida critica o fato de Bruna, nas palavras da dupla, “incentivar a desordem” na invasão de equipamentos públicos por parte de ex-moradores do Edifício Di Thiene.

Pleito
O vereador Leonardo Alves (PSDB), de Mauá, esteve ontem com o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, pedindo formalmente o restabelecimento do repasse paulista para custeio do Hospital de Clínicas Doutor Radamés Nardini.

LGBTQIA+ – 1
As prefeituras da região utilizaram as redes sociais para celebrar o Dia do Orgulho LGBTQIA+. Foram divulgadas mensagens pedindo respeito e fim ao preconceito.

LGBTQIA+ – 2
Único vereador assumidamente gay do Grande ABC, Márcio Araújo (PSD), de Mauá, também publicou mensagem sobre a data. “Eu me orgulho mesmo é de ser um ser humano que respeita todas as formas de amar, todas as religiões, crenças, raças, orientações e estilo de vida. Tenha orgulho de ser gente do bem.” 

Comentários


Veja Também



Voltar