Esportes

Chelsea bate o Manchester City e conquista a Europa pela segunda vez




O Chelsea sagrou-se bicampeão da Liga dos Campeões da Europa neste sábado, 29, após vencer a final inglesa contra o Manchester City por 1 a 0, no Estádio do Dragão, na Cidade do Porto (Portugal). O gol marcado por Havertz, aos 42 minutos do primeiro tempo, deu o segundo título do Velho Continente aos Blues, que haviam levantado o troféu em 2012. Além disso, os comandados de Thomas Tuchel estão classificados para o Mundial de Clubes, em dezembro, no Japão.

O duelo britânico foi movimentado do início ao fim. O City, que buscava seu primeiro título, teve mais posse, mas faltou precisão. E mesmo quando conseguiu criar oportunidades, a zaga do Chelsea - liderada pelo zagueiro Thiago Silva que, no entanto, teve de deixar o campo ainda no primeiro tempo sentindo lesão na virilha - conseguiu afastar.

Em jogada de velocidade, os Blues abriram o placar. Chilwell passou para Mount, que lançou para Havertz; ele driblou o goleiro brasileiro Ederson e mandou para o gol vazio:1 a 0.

Em desvantagem, o City se lançou ainda mais ao ataque na segunda etapa. Aos 14, porém, teve uma baixa sentida: De Bruyne foi acertado por Rüdiger, ficou com o olho roxo e a cara inchada, sendo substituído por Gabriel Jesus. Pep Guardiola tentou como pôde mexer nos Citizens, colocando Fernandinho e Agüero, mas a equipe não conseguia superar a barreira montada pelo setor defensivo do Chelsea. E mesmo quando a bola passava pelos defensores, não acertava o alvo. Assim, o duelo se arrastou até o apito final, para festa dos Blues no Estádio do Dragão.  

Comentários


Veja Também



Voltar