Cena Política

Chiquinho e Neycar mandam seus sinais




A sessão de terça-feira mostrou que não está tão sólida como parecia a base de sustentação do prefeito de Mauá, Marcelo Oliveira (PT). Além da derrubada dos vetos a projetos, a Câmara emitiu outros sinais por meio de figuras que são sustentáculos da governabilidade. Tanto Chiquinho do Zaíra (Avante) quanto Neycar (SD) votaram contra o governo, desconsiderando os vetos feitos pela Prefeitura a propostas oriundas da casa. Desde a vitória de Marcelo, em novembro, Chiquinho funciona como líder informal de governo. Neycar, agora correligionário do ex-prefeito Atila Jacomussi, também estava próximo do Paço, dando estrutura para a bancada situacionista. Por serem personagens de peso, esperavam olhar diferenciado do governo petista, o que não veio até agora.

Recordar é viver
Chiquinho do Zaíra (Avante) é conhecido como um dos mais habilidosos vereadores de Mauá. Sua fama se cristalizou em duas oportunidades. Entre 2006 e 2007, mesmo sem mandato, conseguiu unir bloco que travou completamente o andamento de projetos do governo do ex-prefeito Leonel Damo. Em 2013, o chefe do Executivo era Donisete Braga (ex-PT, atualmente sem partido). Chiquinho havia retornado à Câmara e teve sua força política minimizada. Depois de algumas derrotas na casa, Donisete cedeu.

Terreno alheio
A deputada estadual Carla Morando (PSDB), que tem domicílio eleitoral em São Bernardo, ontem esteve em Santo André em reunião com candidatos a vereador que defenderam o nome de Ailton Lima (PSB) na eleição à Prefeitura no ano passado. A situação gerou incômodo no grupo que apoia o prefeito Paulo Serra (PSDB), que teve Ailton como adversário e que desenha a candidatura da primeira-dama Ana Carolina Barreto Serra à Assembleia Legislativa.<EM>

Publicidade
A Prefeitura de São Bernardo divulgou ontem a classificação das concorrentes na licitação para gerenciar a conta de publicidade da administração municipal. A melhor colocada foi a Mworks Comunicação, do grupo McCann Erickson Publicidade, uma das maiores corporações do ramo. O ranking dos cinco melhores foi composto pela Benjamin Comunicação, Puxe Comunicação, Verge Studio Comunicação e Lua Propaganda. Quatro interessadas foram desclassificadas. Cabe recurso.

Apoio
A Rede Sustentabilidade anunciou que vai apoiar o ex-vereador Fabio Palacio (PSD) se houver nova eleição à Prefeitura de São Caetano. No ano passado, a legenda lançou o ex-secretário Eduardo Casonato como prefeiturável. Sara Jane Zanetti, porta-voz da Rede em São Caetano, comentou que houve convergência de ideias entre a legenda e Palacio e que o pessedista tem reais condições de vencer a concorrência política para trazer estabilidade no município.

Candidatura em curso
O vereador Rodrigo Capel (Cidadania), de Diadema, deve ser candidato a deputado estadual na eleição do ano que vem e fazer dobrada com o deputado federal Alex Manente (Cidadania), que tem domicílio eleitoral em São Bernardo. Filho do eterno vereador Milton Capel (recordista de mandatos no Grande ABC, com nove consecutivos), Rodrigo está em sua segunda legislatura.

Nomeação
Advogado que atuou em casos de petistas graduados no Estado, Fabio Mariano foi nomeado como secretário adjunto de Governo na gestão do prefeito de Mauá, Marcelo Oliveira (PT). Ele será número dois de Leandro Dias (PT), titular da pasta. 

Comentários


Veja Também



Voltar