Cultura & Lazer

Aos 103 anos, Banda Lira de Santo André entra na era digital




A Corporação Musical Lira de Santo André comemorou ontem 103 anos. Pioneira na região do ABC e uma das mais antigas do Brasil, a Banda Lira, como é mais conhecida, entrou na era digital.

Por conta da pandemia, além das participações em eventos, a banda também deixou de se apresentar nos últimos domingos do mês no Parque Antônio Flaquer (Ipiranguinha). Mas o público pode conferir uma playlist no canal do YouTube da Secretaria de Cultura de Santo André, onde a Banda Lira apresenta semanalmente releituras da música mundial: bit.ly/BandaLiradeSantoAndré-YouTube

História 

A corporação, criada numa época em que Santo André iniciava o seu desenvolvimento, teve sua origem nas famílias italianas que aqui se estabeleceram naquela época. Durante estes anos todos esteve sempre presente nas comemorações oficiais e outros eventos em todo o Estado de São Paulo, mantendo sempre o espírito familiar.

Com sede no Parque Antônio Flaquer (Ipiranguinha), a banda tem à frente desde 1993 o maestro Claurício Cipriano. Outro personagem importante é João Madriano Filho, que acompanha os músicos desde 1953 e é o integrante mais antigo. Atualmente João é o responsável pela parte administrativa. 

Comentários


Veja Também



Voltar