Economia

Sindicato pede abertura de restaurantes da região na hora do almoço




O Sehal (Sindicato das Empresas de Hospedagem e Alimentação do Grande ABC) protocolou, nesta terça-feira (13), ofício no Consórcio Intermunicipal do Grande ABC reivindicando a abertura de bares e restaurantes no horário do almoço, entre 12h e 16h para atendimento, e mais uma hora, até às 17h, para a organização, serviços de limpeza e encerramento das atividades. Atualmente, a região está na fase vermalha do Plano São Paulo e o setor pode trabalhar apenas com entregas, drive-thru e retirada.

“Esperamos contar com a sensibilidade dos prefeitos e do presidente do Consórcio (Intermunicipal do Grande ABC) Paulo Serra (PSDB), que também é prefeito de Santo André, para que pautem o nosso pedido de socorro aos bares e restaurantes. Muitos são pequenos estabelecimentos que estão à beira da falência, no entanto, importante setor da economia que gera emprego e renda. O nosso setor respeita todas as regras de higiene e segurança e precisa trabalhar”, defende Beto Moreira, presidente do Sehal.

O Consórcio Intermunicipal do Grande ABC não retornou o Diário sobre a possibilidade do assunto ser debatido em assembleia na entidade.

Comentários


Veja Também



Voltar