Internacional

EUA se comprometem com a meta de emissão zero de carbono até 2050




O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, afirmou nesta terça-feira, 23, que o país se compromete com a meta de emissão zero de carbono até 2050, objetivo compartilhado com o Canadá. A declaração foi feita em pronunciamento conjunto após sua primeira reunião no cargo com o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau. Ambos destacaram a cooperação contra as mudanças climáticas e os compromissos multilaterais, e, além da meta sobre carbono, Trudeau saudou a decisão de Biden de retornar ao Acordo de Paris.

Os líderes criticaram a detenção de dois cidadãos canadenses pela China, o que Trudeau classificou como "arbitrário". Sobre o tema, Biden afirmou que ambos os países concordam em "enfrentar abusos de direitos humanos e defender a liberdade". Além disso, indicou que os parceiros buscarão abordagens para "competir melhor" com Pequim. Outro tema destacado em que as nações teriam concordância foi o combate às desigualdades, com Biden ressaltando que minorias foram mais atingidas durante a pandemia de covid-19.

Trudeau afirmou que os países são grandes aliados com grande relação comercial, e concluiu que ambos "estão juntos para vencer a pandemia e construir um amanhã melhor". Um dos principais temas do começo de mandato de Biden, sua decisão de revogar o oleoduto de Keystone junto ao Canadá, que sofreu críticas de Ottawa, não foi mencionado durante os pronunciamentos.

Comentários


Veja Também



Voltar