Diarinho

A navegação na internet é segura para os usuários?


A exploração da internet por meio de computadores, tablets e celulares ocorre de maneira segura para o público em geral, principalmente se alguns procedimentos básicos forem respeitados. O acesso a sites diversos e redes sociais costuma ser feito por meios que não trazem complicações para as máquinas nem para os usuários, mas é preciso ficar atento a certos detalhes, como a proteção das máquinas por onde essa visita à web acontece e saber exatamente por onde se pisa – ou melhor, se clica – na ‘navegação’.

De maneira mais prática, os equipamentos precisam ter um programa antivírus, desenvolvido para prevenir, detectar e eliminar vírus de computador de diferentes tipos. A evolução tecnológica é constante e esses ‘vilões’ se renovam sempre, sendo essencial que a forma de se proteger tenha uma atualização constante. Há opções gratuitas e eficientes, com o público optando pelo que preferir de acordo com as necessidades e serviços oferecidos.

Outro ponto importante quando se está na internet é sempre ler com atenção o que e onde se clica. Há links indesejáveis que levam o usuário a endereços estranhos ou, até mesmo, a realizar a instalação de programas desconhecidos. Muitos sites iludem as pessoas para que acessem outras páginas que nem sempre são maliciosas, mas a ação mostra que certos endereços podem agir de má-fé.

Um dos grande medos dos usuário é de que dados pessoais e logins sejam roubados de alguma forma. Entre as técnicas utilizadas coloca o indivíduo em um site aparentemente comum, mas o acesso ocorre por meio de um programa instalado no computador e a conexão é direcionada a outro endereço. Os bandidos iludem ao copiar as telas da página original e aguardam a inserção de informações como e-mail e senhas ligados a bancos ou redes sociais, por exemplo.

As crianças conseguem interagir com a internet de maneira segura em geral, com os pais e/ou responsáveis tendo que atuar para acompanhar de perto essa movimentação. Sistemas operacionais, casos de Windows, Android e Linux, possuem gestores de acesso de conteúdo para auxiliar na proteção. Os pequenos usuários da rede mundial de computadores merecem atenção diferenciada, uma vez que sempre existe alguém na espreita – quase sempre um adulto – esperando encontrar quem possa passar informações diversas. 

O Dia Internacional da Internet Segura, comemorado em 11 de fevereiro, alerta para o uso correto, ético e responsável das tecnologias

Não é recomendado postar fotos, vídeos e localização de forma excessiva nas redes sociais

Consultoria de Mario Eugênio Longato, professor e gestor da Escola Politécnica da USCS (Universidade Municipal de São Caetano). 

Comentários


Veja Também


Voltar