Memória

Afinal, quem foi o soldado? Ponto de passagem do povo e das tropas Botujuru, velha expressão paulista


“Botujuru: do tupi-guarani, Vale dos Ventos.”
Cf. pesquisa de Augustina Cid Mascareñas Alvarez, filha de Antonio Rodrigues Mascareñas, o Espanhol dos Porcos

***

Josefina Maria Angeli da Silva, a pequena Pina, tinha 8 anos quando descobriu uma espada de bronze perdida no quintal de sua casa, na Ponte Alta, junto à Estrada do Vergueiro, pouco antes de se chegar à Vila do Rio Grande, em São Bernardo. Uma espada que ela guardou a vida toda como lembrança dos tempos de meninice no sítio que foi do seu avô e depois pertenceu ao pai, Cristiano Angeli, hoje nome de rua no bairro Assunção.

A espada foi encontrada por volta de 1932, tempo da Revolução Constitucionalista. Era comum a passagem de tropas militares na ida para Santos e na volta para São Paulo, sempre cruzando a Vila de São Bernardo. Soldados em marcha ou em exercício de guerra.

A Estrada do Vergueiro cruzava pontos antigos de São Bernardo, já mapeados em 1854 pelo registro paroquial da Freguesia de São Bernardo, conforme determinação da Lei Imperial número 601.

Ponto Alto, Ponte Alta, Botujuru, nomes que aparecem nos levantamentos de 1854 – e também de 1856 – feitos pelo vigário da paróquia, padre Tomás Inocêncio Lustosa, o Padre Lustosa da rua ao lado da Basilica da Boa Viagem, a velha Matriz.

São pontos ao longo dos caminhos que demandavam o Litoral. Tropas de animais e homens cruzavam tais caminhos, e quando a estrada principal ficava intransitável, passava-se pelas margens ao longo do sistema hídrico hoje utilizado na formação da Represa Billings.

Provavelmente, um dos caminhos usados foi a antiga Estrada das Lavras – nome secular, agora denominada Estrada do Ribeirão do Soldado, que começa a ganhar um projeto de revitalização.

O arquiteto Benedito Lima de Toledo, no monumental Projeto Lorena, desenvolvido em 1975 pelo município de São Bernardo, cita todas essas denominações, e fala de uma casa situada em local incerto do Ponto Alto – “local onde pernoitou a Família Real em sua visita a São Paulo em 1842”.

Ao reproduzir a foto da casa, escreve Lima de Toledo: “Ignora-se seu local exato (o da casa) e se a casa ainda existe”.

É a casa da foto, já no planalto, numa paisagem que hoje é um misto de chácaras e loteamentos. No bairro Botujuru, a primeira tentativa de criação de um loteamento data de 1951, o da Chácara Porangaba; em 1958 foi aberto o Jardim Jussara. E entre os anos 1960 e 1980 surgiram os loteamentos mais recentes, o Terra Nova, o Jardim Capivari, o Swiss Park e a Vila das Valsas.

Mesmo com todos esses loteamentos, o Botujuru guarda a fisionomia de reserva florestal, com várias chácaras de veraneio, como escrevemos no livro dos bairros de São Bernardo publicado há dez anos.

Nesta década, a paisagem não se modificou, em especial ao longo do Ribeirão do Soldado e do caminho que interliga Vila das Valsas à Vila Balneária.

Ofuscaram-se e desaparecem as seculares Ponte Alta e Ponto Alto. O progresso escondeu a própria casa em que a Família Imperial pernoitou. E a expressão Ribeirão do Soldado aí está para ser explicada – que soldado por ali passou que merecesse dar nome ao ribeirão?

Quem sabe o projeto de revitalização do espaço não sirva também para elucidar mais este enigma da história contemporânea do Grande ABC.

AMANHÃ EM MEMÓRIA
Apresentamos o Pedro Marson

Diário há meio século

Quinta-feira, 4 de janeiro de 1971 – ano 13, edição 1452

Manchete – Apolo 14 revela novos problemas à Nasa
Santo André – Secretário municipal de Obras, engenheiro Sebastião Di Lascio promete atacar as enchentes no Centro e bairros.
Movimento Estudantil – Estudantes da FEI reiniciaram a construção do Talav 1, trem aerodinâmico leve de alta velocidade, “o veículo do futuro”. Na coordenação do projeto, o professor Rigoberto Soler.

Em 4 de fevereiro de...

1956 – Reservatório Billings funcionava com 34,36% da sua capacidade. Técnicos alertavam: “Se nos próximos 60 dias não chover abundantemente no Interior, deveremos esperar um mau ano no setor de energia elétrica”.
- Buenos Aires, 3 (UP) – La Prensa reapareceu, hoje como jornal livre e independente. Permaneceu cinco anos sob o jugo peronista.

Município Paulista

- Hoje é aniversário de Dois Córregos. Criado em 1874, quando se separa de Brotas.

Santos do Dia

- André Corsini (Itália, Florença, 1301-1373). Bispo. Padroeiro da cidade de Florença.
- João de Brito
- Catarina de Ricci
- Joana de Valois

GILBERTO. Ordenado sacerdote no ano 1130. Decano dos santos ingleses. Foi fundador da única Ordem totalmente inglesa, a dos Gilbertinos

Comentários


Veja Também


Voltar