Setecidades

Água Santa volta aos trabalhos e testa delegação


O Água Santa foi a primeira equipe do Grande ABC a voltar aos trabalhos. Ontem pela manhã o Estádio do Inamar, em Diadema, mais parecia um consultório médico, ou então um hospital. Isso porque o clube deu início à testagem para Covid-19 dos jogadores, integrantes da comissão técnica, diretores e funcionários. Os resultados dos 65 exames realizados sairão até terça-feira, a partir de quando estarão liberados oficialmente os treinos preparatórios para o retorno do Paulista da Série A-1.

“Realizamos 65 testes swab, que é o do cotonete especial, além dos rápidos, com amostras de sangue. Um exame complementa o outro. Foi importante fazermos esta ação antes do retorno aos treinamentos, pois, assim, voltaremos com segurança. E, claro, sempre respeitando as recomendações das autoridades sanitárias: uso de máscaras, distanciamento e higienização de todos os ambientes do clube”, afirmou o diretor executivo do Netuno, Marcos Assunção, que também realizou a testagem.
A ação foi comandada pelos responsáveis pelo departamento médico do Água Santa Arnildo Segundo, Diego Matheus e Filipe Cortez. “Não há forma mais segura de separar os possíveis infectados daqueles que não estão com a Covid-19. E somente com esta segurança que poderemos retornar às atividades no dia 1º de julho, conforme liberaram o governo do Estado e a Federação”, explicou Diego Matheus.

Havia expectativa da liberação da lista de jogadores que retornaram ao clube para a disputa da reta final do Paulistão, assim como o nome do substituto do técnico Pintado. Porém, nem um nem outro. Mas, pelas fotos divulgadas pelo clube, foi possível identificar alguns atletas, como o goleiro Thomazella e os meias Robinho e Luan Dias.

REFORÇO
Líder da Série A-1, o Santo André anunciou ontem a contratação do goleiro Ivan, 35 anos, que estava no Joinville-SC. Ele chega para suprir a ausência do veterano Fernando Henrique, que se transferiu para o Brasiliense-DF. 

Comentários


Veja Também


Voltar