D+

BFF Girls monta websérie especial com histórias baseadas em letras de suas canções


Os talentos de Bia Torres, Giulia Nassa e Laura Castro estão sendo colocados à prova nos últimos tempos. As integrantes do BFF Girls fazem do universo musical seu ponto forte, mas têm se divertido no mundo da atuação em projetos paralelos. O mais recente é a websérie Por Trás da Música, com capítulos semanais sendo disponibilizados gratuitamente para o público no canal do trio no YouTube (www.youtube.com/bffgirlsoficial). O endereço conta atualmente com cerca de 1,96 milhão de inscritos que viram o feed de atualizações de posts, sempre recheado de performances especiais e clipes das cantoras, ser invadido por uma mininovela teen paralela.

O projeto conta com cinco episódios, sendo que três já estão on-line para serem assistidos. As histórias fictícias são baseadas em letras de singles das garotas, funcionando de maneira independente entre elas. Flashback e Minha Vibe são alguns dos exemplos postados, tendo batido a marca de 380 mil e 153 mil visualizações, respectivamente. 

O trio protagonista tenta interpretar a si mesmo em meio a contos leves e com duração que não chega a dez minutos de play. Não faltam dramas amorosos, confusões de amizade, estresse escolar e complicações familiares. “Nós nos envolvemos em grande parte, como sempre. Além de já trazermos um pouco das nossas personalidades para as personagens, também participamos do processo de criação logo no começo, pensando no tema das músicas, roteiros, nomes, história e eu até ajudei a montar o cenário um pouco”, conta Giulia sobre o projeto.

A websérie Por Trás da Música tem direção de Adolpho Knauth (também responsável por comandar o longa-metragem O Melhor Verão das Nossas Vidas, que passou pelos cinemas brasileiros no começo do ano), com a produção sendo parceria entre Moove House e a Sony Music.

“Foi uma ideia que surgiu durante as gravações do filme, justamente porque nós amamos gravar e não queríamos parar de fazer isso como grupo”, explica Bia. “Pensamos em uma história mais distante do contexto do filme, mas algumas coisas se relacionam. E você percebe quando você é mesmo um BFFer.” 

Comentários


Veja Também


Voltar