Memória

Maria Cecília, uma história em construção


A história do Jardim Maria Cecília foi contada no Diário em 1979, dentro da série ‘A história dos bairros’, quando entrevistamos José Soares de Oliveira, vendedor dos lotes e pai do advogado e pesquisador José Carlos Soares de Oliveira.

José (pai) nos contou e a história registrou:

- O loteamento é de 1956.

- A capelinha foi logo construída, à frente de um bambuzal, ao redor de um pequeno jardim, com teto de madeira e pintada nas cores azul e vermelha.

- Foram loteadores: Darcy Villela Itiberê, professor de medicina; e Jair Ribeiro da Costa, presidente da Colsan.

- A área pertencia à Linha Jurubatuba, dos tempos coloniais, e nela a Sra. Sabatini criava vacas que forneciam leite para a cidade.

- O nome Maria Cecília dado ao bairro que nascia foi uma homenagem a uma das filhas dos loteadores, Dr. Darcy ou Jair Ribeiro. 

- No total, 140 lotes originais.

- E os slogans: ‘Pérola Residencial’, ‘Oásis de São Bernardo’.

LIVROS

Esta história que o Diário levantou há 40 anos está reproduzida em dois livros: São Bernardo, Seus Bairros, Sua Gente e São Bernardo, 200 Anos Depois, cuja capa traz uma foto de Beltran Asêncio, o fotógrafo da cidade, tirada do alto do Jardim Maria Cecília, onde um milagre aconteceu.

Nota – Dr. Darcy Villela Itiberê viveu mais de 100 anos. Teve uma filha.

Na área musical de São Paulo a presença da musicista Maria Cecília Itiberê Ribeiro da Silva, nascida em São Paulo, 84 anos completados em 2018.

Seria ela a madrinha do Jardim Maria Cecília? Dr. Zé Carlos, Elexina, Vicente D’Angelo, Giordano, vamos investigar?

PRÓXIMOS CAPÍTULOS

- A imagem de Santa Cecília retornará à sua capela em janeiro. 

- Em 22 de novembro de 2020, uma nova procissão em louvor à padroeira do Jardim Maria Cecília

- Quem foi Maria Cecília?

Caiçara.Citadino.Caboclo

Texto: Milton Parron

Renato Teixeira, santista, nascido em 1945, apesar de caiçara é 

um dos maiores defensores da chamada música raiz, música caipira autêntica. 

Como compositor, porém, usa uma linguagem que por vezes confunde. 

Não se sabe se é um citadino fazendo músicas para o povo do sertão, ou se é o caboclo falando para gente da cidade, bastando citar sua antológica <CF160>Romaria</CF>, gravada inicialmente por Elis Regina, para se ter uma ideia do extraordinário valor desse artista. 

Seus shows, e discos, em parceria com Sérgio Reis, Almir Satter e os irmãos Pena Branca e Xavantinho, marcaram época na história da MPB. 

Renato Teixeira também é autor de jingles comerciais memoráveis. Muitas músicas, algumas peças publicitárias, e várias histórias divertidas, outras comoventes, acumuladas ao longo de meio século – Renato é de 1945 – serão contadas por ele próprio neste último programa Memória de 2019.

Bandeirantes AM (840) e FM (90,9) – Memória. Vida e obra de Renato Teixeira. Produção e apresentação: Milton Parron. Hoje no final da noite, com reprise amanhã, às 5h. E na internet em bandeirantes.com.br – No ar. 

Diário há 30 anos

Quinta-feira, 28 de dezembro de 1989 – ano 32, edição 7261

Manchete – Governo Collor terá Conselho de Governo e 12 ministérios 

Polícia – Ônibus capota e fere 26 na Rodovia dos Imigrantes.

São Bernardo – Ampliada a assistência jurídica gratuita em convênio inédito entre a Prefeitura e Faculdade de Direito de São Bernardo.

Santos do dia

- A Igreja recorda os meninos inocentes de Belém e arredores, de idade inferior a 2 anos, que foram arrancados de suas mães e assassinados cruelmente, por ordem de Herodes.

Comentários


Veja Também


Maria Cecília, uma história em construção

A história do Jardim Maria Cecília foi contada no Diário em 1979, dentro da série ‘A história dos bairros’, quando entrevistamos José Soares de Oliveira, vendedor dos lotes e pai do advogado e pesquisador José Carlos Soares de Oliveira.

José (pai) nos contou e a história ...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar