Setecidades

Campanha dos Correios recebeu 4.300 cartas de crianças para adoção


 Os pedidos em cartinhas escritas por crianças do Grande ABC para o Papai Noel já estão disponíveis para adoção nas agências dos Correios da região. Neste ano, a campanha Papai Noel dos Correios recebeu 4.300 solicitações, sendo que pelo menos 1.000 já foram retiradas por moradores que pretendem deixar o Natal dos pequenos, em sua maioria carentes, mais feliz.

Na manhã de ontem, 25 integrantes do Projeto Shalom – que atende 500 crianças – tiveram a oportunidade de entregar pessoalmente suas cartas ao Papai Noel do projeto, na agência dos Correios de Santo André (Praça IV Centenário). No local, também é possível obter ajuda para redigir os pedidos ao Bom Velhinho.

“Não temos uma expectativa fechada de pedidos para este ano, pois o ato de escrever das crianças e famílias é espontâneo. Nosso esforço maior está em atender todas essas cartas, ou seja, que sejam adotadas”, ressalta Marta Maria Manassero, coordenadora da campanha em São Paulo.

Ao todo, a campanha já atendeu mais de 6 milhões de cartinhas em todos os pontos de coleta na Grande São Paulo. Conforme os organizadores da ação social, o perfil das cartas recebidas mudou com o passar dos anos e, agora, está mais solidário. Exemplo é uma garotinha que solicitou ao Bom Velhinho a manutenção de uma amizade. Em outro caso, o desejo foi para que o Noel auxiliasse os países em guerra.

No caso de Breno Henrique de Lima, 6 anos, do Projeto Shalom, o desejo é receber “doces, carros de brinquedo e uma bola”. O menino ressalta que adora o Natal, pois é um momento de ficar mais próximo da família.

Já a colega Stefany Ferreria, 9, pediu em sua cartinha material escolar para o ano que vem. A menina, que diz gostar de admirar as decorações natalinas pela região, considera que o mês todo parece ser uma festa.

Aqueles que desejam apadrinhar uma criança devem procurar uma agência dos Correios e retirar uma carta. No local, é possível acessar o material na íntegra, sem os dados da criança. Os presentes – que precisam estar embrulhados – devem ser entregues no mesmo local e o Correio se responsabiliza pelas entregas. O projeto aceita cartas até o dia 13 e entregam os presentes até fim de dezembro.

Comentários


Veja Também


Voltar